Ricardo Moraes/ Reuters
Ricardo Moraes/ Reuters

Com 6 gols nos últimos 5 jogos, Pedro prevê grande futuro para o Flamengo

Vitória sobre o Sport colocou equipe rubro-negra ainda mais viva na briga pela liderança do Brasileirão

Redação, Estadão Conteúdo

07 de outubro de 2020 | 22h26

Pedro mais uma vez foi decisivo na vitória do Flamengo, que começa a entrar na briga pelo título brasileiro. O atacante marcou dois dos três gols da vitória da equipe rubro-negra para cima do Sport por 3 a 0 na noite desta quarta-feira, no Maracanã, pela 14ª rodada. Já são seis nas últimas cinco partidas.

O atacante, inclusive, tem sido muito participativo, ainda mais em um Campeonato Brasileiro com Gabriel Barbosa e Bruno Henrique ainda sem repetir as boas atuações do ano passado. Nesta temporada, Pedro fez 28 jogos, marcou 14 gols e deu duas assistências. Ele se mostrou feliz com o bom momento do time.

"Muito feliz com esse momento. Feliz com dois gols, mas mais ainda com a vitória. A gente tinha que ter paciência e tivemos. A gente vem vivendo um bom momento, uma sequência boa, espero que a gente possa continuar para conquistar coisas boas no campeonato", falou o atacante Pedro.

As boas atuações de Pedro abriram os olhos dos dirigentes do Flamengo, que tentam contratá-lo de forma definitiva. Hoje, o atleta tem contrato apenas até dezembro. A Fiorentina, dona dos direitos econômicos do artilheiro, vem fazendo jogo duro por saber que pode levar ao menos 9 milhões de euros pelo atleta, valor que dificilmente será bancado pela equipe carioca.

A outra possibilidade do Flamengo é tentar uma renovação contratual até o meio de 2021. A negociação com a Fiorentina está no começo, mas a pressão é grande pela permanência do atacante.

Enquanto isso, o Flamengo engatou a segunda vitória seguida na competição e chegou aos 24 pontos, se aproximando do Atlético Mineiro. O próximo desafio é diante do Vasco, em São Januário.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.