Daniel Augusto Jr|Agência Corinthians
Daniel Augusto Jr|Agência Corinthians

Com a força do 'Terrão', Corinthians enfrenta o Mirassol

Seis atletas formados na base do clube serão titulares neste sábado

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

25 Fevereiro 2017 | 07h01

O torcedor do Corinthians que gosta de ver os meninos da base em campo não terá do que reclamar neste sábado. De acordo com a formação treinada por Fábio Carille, seis jogadores formados no clube vão iniciar a partida contra o Mirassol, às 19h30, fora de casa, algo que pode começar a se tornar rotineiro.

Léo Príncipe, Pedro Henrique, Guilherme Arana, Maycon, Léo Jabá e Jô (mais experiente do grupo, mas que também começou no clube) representam o “Terrão”, apelido criado para se referir às categorias de base do clube. 

Ver tantos jovens com espaço no elenco profissional é algo pouco comum nos últimos anos. É verdade que muitos fazem parte do time profissional, mas poucos foram utilizados nos últimos anos. Sem dinheiro para grandes investimentos, a diretoria decidiu mudar de rumo e dar mais espaço para os novatos. 

O sonho da diretoria corintiana é repetir o feito dos rivais, que recentemente arrecadaram milhões com a venda de garotos, como David Neres por 12 milhões de euros (R$ 40 milhões), Gabriel Jesus por 32,7 milhões de euros (R$ 121,1 milhões) e Gabriel por 27 milhões de euros (R$ 97,5 milhões).

A efetivação de Fábio Carille como técnico faz parte desta mudança de rumo. O treinador já trabalhou com a maioria dos jovens que fazem parte da equipe e sabe como utilizá-los da melhor maneira. Isso aconteceu no clássico com o Palmeiras, quando ele colocou Maycon no lugar de Camacho e Léo Jabá na posição de Marlone. 

Para reforçar a tese de que a meta é dar espaço para a base, o auxiliar de Carille desde o começo do mês é Osmar Loss, ex-técnico do time Sub-20. 

O lateral-esquerdo Guilherme Arana foi preparado para ser um dos impulsores desta nova filosofia. O garoto chegou a receber ofertas de clubes europeus, mas a diretoria preferiu segurá-lo e dispensar o titular Uendel para dar mais chances ao lateral, que tem sido presença constante em seleções de base. 

Os atletas aproveitam a maratona de jogos para ganhar espaço. Neste sábado, Carille deve poupar Fagner, Pablo e Romero, que ficarão no banco de reservas, e também deixará Marlone e Rodriguinho fora, para se recuperarem fisicamente. Camacho continua ausente dos treinos em decorrência da morte de seu pai, no último domingo.

A preocupação de Carille é com o cansaço da equipe, ainda mais agora, que virão três jogos complicados na sequência. Depois do Mirassol, único time invicto no estadual, o time alvinegro vai até o interior de Santa Catarina encarar o Brusque, pela Copa do Brasil, e no sábado recebe o Santos, na Arena Corinthians.

FICHA TÉCNICA

MIRASSOL: Vagner; Mário Sérgio, Wallace, Edson Silva e Raul; Paulinho, Willian, Xuxa e Welinton Júnior; Rodolfo e Zé Roberto

Técnico: Moisés Egert

CORINTHIANS: Cássio; Léo Príncipe, Pedro Henrique, Pablo e G. Arana; Gabriel, Fellipe Bastos, Léo Jabá e Maycon; Jô e Kazim

Técnico: Fábio Carille

Juiz: Vinicius Furlan

Horário: 19h30

Local: José Maria de Campos

Notícias relacionadas
Mais conteúdo sobre:
Corinthians Futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.