Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
Ivan Storti/Santos
Ivan Storti/Santos

Com a volta de Cuca, Santos recebe Sport para voltar ao G-6 do Brasileirão

Treinador fica quase 20 dias afastado após testar positivo para covid-19

Ricardo Magatti, especial para O Estadão

28 de novembro de 2020 | 05h00

Com o técnico Cuca de volta ao banco de reservas, o Santos recebe o Sport neste sábado, às 17 horas, na Vila Belmiro, com o objetivo de se reabilitar no Campeonato Brasileiro para se manter no pelotão da frente. O time alvinegro vem de derrota para o Athletico-PR e precisa vencer para voltar a integrar o grupo dos seis primeiros colocados.

O Santos soma 34 pontos e aparece na sétima posição, fora, portanto, do grupo que garante vaga na próxima edição da Copa Libertadores. A equipe tem a mesma pontuação do Palmeiras, o sexto e que está na frente por ter saldo de gols superior. O Atlético-MG lidera a competição, com 42 pontos.

Cuca retomou suas funções no Santos depois de quase 20 dias fora por conta da covid-19. Ele ficou internado nove dias em um hospital de São Paulo e passou mais outros dez de repouso, em sua casa em Curitiba, por orientação médica. Além dele, os auxiliares Cuquinha e Eudes e o preparador físico Omar Feitosa, que também foram contaminados pelo coronavírus, retomaram suas atividades. O clube informou que os médicos do clube seguirão acompanhando diariamente os profissionais.

Livre da doença, Cuca comandou dois treinos antes da partida e não deu pistas de que escalação vai utilizar. Existe a possibilidade de o treinador preservar alguns jogadores de olho no jogo da volta das oitavas de final da Libertadores na próxima terça-feira, às 19h15, diante da LDU. O time paulista venceu o primeiro duelo por 2 a 1 em Quito e tem a vantagem do empate para avançar à próxima fase.

A escalação vai depender da avaliação da comissão técnica em relação ao desgaste físico dos jogadores. A tendência é de que Cuca mande a campo força máxima. Só não jogará quem realmente estiver desgastado.

Felipe Jonatan, que sentiu um trauma na coxa direita no jogo no Equador, participou dos últimos dois treinos e está à disposição do técnico, que também terá os retornos de João Paulo, Madson, Jobson e Sandry, desfalques diante da LDU. Por outro lado, Luan Peres, ainda em isolamento por causa da covid-19, continua fora. 

Titular após a saída de Vanderlei, o goleiro Vladimir foi liberado para retornar aos treinos físicos, mas ainda vai levar alguns dias para ter condições de jogo. O atleta passou por cirurgia após sofrer uma lesão no dedo mínimo no pé direito na vitória santista por 3 a 1 sobre o Athletico-PR, no dia 16 de agosto, pela terceira rodada do Brasileirão. Ele ainda não está liberado para voltar a treinar com bola e não tem prazo para retornar aos gramados.

FICHA TÉCNICA

SANTOS X ATHLETICO-PR

SANTOS - João Paulo; Pará, Lucas Veríssimo, Luiz Felipe e Felipe Jonatan; Jobson (Alison), Diego Pituca e Jean Mota; Marinho, Kaio Jorge e Soteldo. Técnico: Cuca.

ATHLETICO-PR - Bento; Erick, Pedro Henrique, Thiago Heleno e João Victor; Wellington, Christian e Léo Cittadini; Carlos Eduardo (Fabinho), Reinaldo e Renato Kayzer (Bissoli). Técnico: Paulo Autuori.

ÁRBITRO:  Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO)

HORÁRIO: 17H

LOCAL: Vila Belmiro, em Santos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.