Com Abel Braga ameaçado, Fluminense encara Grêmio

Abel Braga é campeão brasileiro. Abel Braga tem história e identificação com o Fluminense. Mas nada disso vai servir para segurá-lo como técnico tricolor em caso de mais uma derrota do time no Campeonato Brasileiro. No auge de uma série de quatro derrotas, a equipe das Laranjeiras visita o Grêmio, em sua arena, em Porto Alegre, às 16 horas, pela nona rodada, com a missão de se recuperar na competição e evitar a demissão de seu comandante.

LEONARDO MAIA, Agência Estado

28 de julho de 2013 | 09h05

Apesar do sucesso no ano passado, pesam contra Abel Braga o mau momento do time e a percepção de que o futebol apresentado até o momento na temporada está muito aquém do que o elenco tricolor pode render. "O resultado tem prazo de validade, o treinador também", disse o técnico, ciente de que o currículo tem pouca serventia em momentos de crise.

A pressão por vitórias é constante e Abel Braga se mostra ciente da possibilidade de demissão em caso de novo insucesso, ainda mais se a equipe mostrar apatia. "Atrapalhar o clube eu não vou. Como penso assim, o clube pode pensar igual. Me encontro absolutamente tranquilo, confiante", destacou.

No entanto, o discurso do treinador é de certeza na recuperação e convicção de que seu ciclo nas Laranjeiras não se encerrou. Ele projeta atingir a disputa pelo título e obter a conquista que a torcida tricolor tanto almeja. "Meu projeto no Fluminense não está completo, pois minha ambição é a mesma do meu torcedor, da direção, do patrocinador, que é conquistar uma Libertadores".

Esse sonho pode ser prematuramente interrompido em caso de derrota para o clube tricolor gaúcho, fato ainda mais provável se levado em consideração que o Fluminense jogará desfalcado de seu melhor jogador. O atacante Fred cumpre suspensão pela expulsão na derrota para o Vasco. Ele será substituído pelo jovem Samuel, que passou as últimas semanas respondendo a perguntas sobre uma possível transferência.

As ausências não param com Fred. O zagueiro Digão também não joga pelo mesmo motivo. Felipe, Marcos Júnior e Bruno estão lesionados. Superação será a palavra de ordem para os tricolores.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoFluminense

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.