Com ajuda de Eto'o, Anzhi passa ao mata-mata da Liga Europa

O franco-congolês Christopher Samba e o camaronês Samuel Eto'o marcaram os dois gols da vitória do Anzhi Makhachkala sobre a Udinese por 2 x 0, na quinta-feira, resultado que eliminou os italianos e garantiu a classificação do ambicioso time russo para a fase de mata-mata da Liga Europa.

BRIAN HOMEWOOD, Reuters

22 de novembro de 2012 | 21h03

O Athletic Bilbao foi eliminado sem nem precisar entrar em campo - sua partida contra o Hapoel Kiryat Shmona, de Israel, foi adiada por razões de segurança. Lazio, Sparta de Praga e Genk se classificaram.

O jogo do Grupo A foi disputado em Moscou, já que a Uefa proíbe o Anzhi de jogar em Makhachkala, na turbulenta região do Daguestão.

Os dois únicos gols do jogo saíram no segundo tempo, com um intervalo de três minutos. No primeiro, Samba cabeceou após cobrança de escanteio. No segundo, Eto'o - atacante com passagens pelo Barcelona e Inter de Milão - se livrou da marcação e tocou na saída de Zeljko Brkic.

No Grupo J, o empate sem gols contra o Tottenham Hotspur classificou a Lazio. O ex-meia inglês Paul Gascoigne, que jogou por ambas as equipes, desfilou no gramado como convidado de honra e viu um grande cartaz com sua foto ser aberto na arquibancada. Antes do jogo, no entanto, torcedores do time visitante foram agredidos em Roma.

No mesmo Grupo, Vitolo, do Panathinaikos, perdeu um pênalti, mas converteu outro 13 minutos depois, dando a vitória pelo placar mínimo ao time grego contra o Maribor. Ambos continuam na disputa pela vaga.

No Grupo I, Sparta de Praga e Olympique de Lyon empataram em 1 x 1. O time tcheco avançou, e o francês já estava classificado. O Athletic Bilbao não tem mais chances.

O empate sem gols contra o Hanover 96 eliminou o Twente Enschede. Já o belga Genk se classificou pelo Grupo G ao vencer o Videoton por 1 x 0, gol de Elyaniv Barda de cabeça no primeiro tempo.

Tudo o que sabemos sobre:
FUTLIGAEUROPA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.