Rubens Chiri / São Paulo
Rubens Chiri / São Paulo

Com Arboleda fora, Rodrigo Caio pode recuperar terreno no São Paulo

Convocado para seleção equatoriana, zagueiro titular vai desfalcar o time em duas partidas do Brasileirão

Renan Cacioli, O Estado de S. Paulo

31 Agosto 2018 | 11h00

A convocação na última quinta-feira do equatoriano Arboleda para os amistosos da seleção de seu país, em setembro, poderão representar a chance para Rodrigo Caio ser utilizado novamente na equipe do São Paulo. Ele não jogou ainda desde que voltou a ser relacionado, na partida contra a Chapecoense, no dia 19 de agosto. Também foi para o banco contra Paraná e Ceará, mas não saiu de lá.

Após se lesionar na segunda rodada do primeiro turno, o então titular precisou ser submetido a uma cirurgia no pé esquerdo que o deixou mais de três meses afastado. No período, viu três concorrentes - Arboleda, Anderson Martins e Bruno Alves - ganharem espaço e o jogarem para a quarta opção do setor. 

Arboleda vai defender o Equador nos dia 7 e 11 de setembro, contra Jamaica e Guatemala, respectivamente, em amistosos que serão realizados nos Estados Unidos. Ele será desfalque certo para Diego Aguirre nas partidas do São Paulo diante de Atlético-MG (5), em Belo Horizonte, e Bahia (8), no Morumbi.

Naturalmente, Anderson Martins e Bruno Alves serão os titulares, mas dado o rodízio que Aguirre vem promovendo na zaga do time nesta temporada, é possível acreditar que Rodrigo Caio ganhe ao menos a oportunidade de entrar em alguma dessas partidas. Com o empréstimo de Lucas Kal para o Vasco, anunciado na última quinta, não existe nenhum outro atleta do setor à disposição do técnico uruguaio.

Líder do Campeonato Brasileiro, com 46 pontos, três à frente do Internacional na tabela, o São Paulo volta a campo neste domingo, quando recebe o Fluminense em seu estádio.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.