Com ataque ineficiente, Real perde em casa para o Levante

A crise no Real Madrid está cada vez maior. Neste domingo, a equipe foi derrotada pelo Levante, um dos piores times do Campeonato Espanhol, por 1 a 0, dentro do Estádio Santiago Bernabéu, e perdeu a oportunidade de subir para a terceira posição, ultrapassando o Valência.O técnico italiano Fabio Capello, que decidiu se "livrar" do atacante Ronaldo, foi muito vaiado pela torcida. Isso porque o time esteve sem padrão tático em campo. Para complicar ainda mais, o setor ofensivo desperdiçou muitas oportunidades para marcar, principalmente com o holandês Van Nistelrooy e o argentino Higuaín.O gol da vitória do Levante foi marcado logo aos 10 minutos do primeiro tempo, quando o volante Diarra cometeu pênalti ao derrubar o meia Tommasi dentro da área. Na cobrança, o atacante Salva Ballesta bateu forte, no canto direito. O goleiro Casillas até chegou a tocar na bola, mas não conseguiu evitar que suas redes fossem balançadas.Sentindo falta de alguém que pudesse colocar a bola dentro do gol, Capello colocou Robinho no lugar do espanhol Reyes, logo no começo do segundo tempo. No entanto, a equipe continuou desorganizada em campo e foi dominada pela defesa do Levante.Ao final do jogo, os torcedores madrilenhos protestaram. Capello saiu de cabeça baixa e cada vez mais ameaçado de perder o emprego.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.