AFP
AFP

Com ataque sem brilho, líder Liverpool só empata com West Bromwich no Inglês

Time de Klopp empatou por 1 a 1 com o penúltimo colocado e perdeu chance de abrir vantagem na ponta

Redação, Estadao Conteudo

27 de dezembro de 2020 | 16h13

O Liverpool segue isolado na liderança do Campeonato Inglês. Mas, neste domingo, com o ataque sem inspiração, deixou escapar dois preciosos pontos em Anfield ao ceder o empate por 1 a 1 para o West Bromwich. É a segunda zebra que o penúltimo colocado apronta nas últimas três rodadas. Já tinha segurado o 1 a 1 na casa do Manchester City.

Depois dos 7 a 0 no Crystal Palace na rodada passada, todos imaginavam nova vitória tranquila do Liverpool no Inglês. Diante do West Bromwich, ate então com somente sete pontos somados, porém, o poderoso ataque com Roberto Firmino, Sadio Mané e Mohamed Salah teve apresentação abaixo do esperado. Com o pé descalibrado e sem inspiração, o líder criou poucas chances claras e deu bobeira atrás.

Tudo parecia caminhar para nova goleada dos Reds. O Liverpool precisou de somente 11 minutos para tirar o zero do placar. Matip lançou para a área, Mané dominou no peito e bateu de primeira. Após 10 jogos de jejum, o atacante senegalês deixa sua marca pelo segundo jogo seguido.

Num primeiro tempo completamente dominado pelo Liverpool, que cansou de rondar a área rival e perder gols, o West Bromwich quase empatou no último minuto. Partiu em contragolpe, mas não finalizou no gol de Alisson.

Novo técnico do West Bromwich, Sam Allardyce foi o último treinador a superar o Liverpool em Anfield. Dirigia o Crystal Palace nos 2 a 1 de 2017. E neste domingo, prometia "aprontar" e viu sua equipe ser ousada no segundo tempo, sufocando os Reds nos contragolpes.

O goleiro Alisson teve de trabalhar acima do habitual e ainda viu os rivais empatarem restando menos de 10 minutos, em cabeçada do zagueiro Ajayi. O Liverpool ainda tentou o segundo gol. Firmino quase anotou. O goleiro fez milagre.

Agora são 67 jogos sem derrotas do Liverpool em Anfield. Mas com a perda dos 100% em sua casa, deixou de abrir cinco pontos sobre o Everton, o segundo colocado. Com o tropeço inesperado, o time subiu para os 32 pontos, diante de 29 de seu principal perseguidor.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.