Vinnicius Silva/Cruzeiro
Vinnicius Silva/Cruzeiro

Com baixas e dúvidas, Mano tem problemas para escalar Cruzeiro que pegará o Inter

Lesionados, Orejuela e Marquinhos Gabriel estão fora do jogo de domingo, no Beira-Rio

Redação, Estadão Conteúdo

10 de maio de 2019 | 20h22

O técnico Mano Menezes tem um "quebra-cabeças" para montar o time do Cruzeiro para o duelo com o Internacional, neste domingo, às 16 horas, no Beira-Rio, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. O lateral Orejuela, com um estiramento muscular, e o meia-atacante Marquinhos Gabriel, em recuperação de lesão, estão fora do confronto.

O meia Robinho, que deixou o jogo com o Emelec pela Libertadores na quarta-feira com um desconforto muscular, também é dúvida, assim como os atacantes Sassá e Pedro Rocha, que poderão ser poupados. Mano fechou o treino desta sexta após o aquecimento dos jogadores e não deu dicas de quem poderá entrar em campo.

O zagueiro Léo, um dos mais experientes do grupo, comentou nesta sexta-feira, em entrevista coletiva, a necessidade de "rodar" o time. "Com um jogo atrás do outro, a gente tem de se adaptar. Como não dá (tempo) para treinar, temos um conversa, um vídeo, um posicionamento para ajustar a equipe e enfrentar a sequência grande de jogos."

O zagueiro tem boas recordações de quando enfrentou o Internacional, pois seu primeiro gol na carreira foi exatamente diante do time gaúcho, quando atuava pelo Grêmio. "Sabemos que sempre é difícil jogar no Sul, mas também uma vitória seria muito importante para nós, pois conseguiríamos a primeira vitória fora de casa no Brasileiro", enfatizou.

Depois da derrota, de virada, diante do Flamengo, no Rio, em jogo de estreia no Brasileiro, o Cruzeiro derrotou Ceará e Goiás, em dois confrontos em Belo Horizonte, e por isso soma seis pontos. O Internacional contabiliza três, conquistados após o triunfo sobre o Flamengo. Os gaúchos perderam para a Chapecoense e para o Palmeiras, ambos fora do Beira-Rio.

Uma curiosidade: o Cruzeiro vai enfrentar o Fluminense duas vezes seguidas, no Rio, após este compromisso de domingo diante do Inter em Porto Alegre. Primeiro encara o rival carioca na quarta-feira, pela Copa do Brasil, e no sábado seguinte reencontrará o adversário pela quinta rodada do Brasileirão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.