Peter Dejong/AP
Peter Dejong/AP

Por causa do coronavírus, presidente da Fifa não garante realização da Eurocopa 2020

'Não podemos descartar nada, mas não podemos entrar em pânico', disse Gianni Infantino em Congresso da Uefa

Redação, Estadão Conteúdo

03 de março de 2020 | 09h02

O presidente da Fifa Gianni Infantino está em Amsterdã, na Holanda, para participar do Congresso da Uefa, que começou nesta terça-feira. O encontro pretende anunciar novidades para os próximos anos. O dirigente também vai tratar da evolução e dos perígos do coronavírus no continente. Junto do esloveno Aleksander Ceferin, mandatário da entidade europeia, e outros líderes, Infantinno não garantiu a realização do torneio neste ano.

"Não podemos descartar nada, mas não podemos entrar em pânico também. Pessoalmente, não estou preocupado, mas devemos avaliar seriamente a situação, embora esperamos não avançar em direção a uma suspensão de eventos em escala global", afirmou Infantino.

Os jogos qualificatórios para as vagas finais da Eurocopa estão previstos para os dias 26 e 31 deste mês e o torneio terá início em 12 de junho, na Itália, com a final marcada para 12 de julho, no estádio de Wembley, em Londres, na Inglaterra. A expectativa é de que a transmissão do coronavírus diminua e as competições de futebol possam ocorrer normalmente e sem prejuízos esportivos ou colocando em risco a segurança e a saúde dos torcedores. A Itália é um dos países mais afetados pelo novo vírus, com partidas do Campeonato Italiano desmarcadas. Um jogador da terceira divisão foi infectado.

Pouco depois das declarações de Infantino, Ceferin contestou a informação de que a Eurocopa poderá não ser realizada nesta no. "Todo organizador de competição tem de estudar medidas e, por suposto, tomar decisões. O direto da confederações de organizar competições continentais é inalienável", disse o presidente da Uefa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.