Com Cueva e Guerrero, Peru convoca 'extrangeiros' para enfrentar o Brasil

Jogadores de São Paulo e Flamengo são esperanças de gol da seleção peruana

Estadão Conteúdo

21 Outubro 2016 | 16h49

O técnico Ricardo Gareca anunciou nesta sexta-feira a primeira parte da lista de convocados para os próximos dois confrontos do Peru nas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018. Neste primeiro momento, o argentino chamou somente 11 jogadores que atuam fora do país para as partidas contra o Paraguai, em Assunção, dia 10 de outubro, e Brasil, em Lima, cinco dias depois.

Dois dos principais destaques da lista são velhos conhecidos do torcedor brasileiro. O meia-atacante Cueva, do São Paulo, e o centroavante Paolo Guerrero, do Flamengo, são duas das maiores esperanças de gol para os atuais oitavos colocados das Eliminatórias, com apenas oito pontos em dez jogos.

Além deles, três outros jogadores já tiveram passagens por clubes brasileiros. O lateral Advíncula já atuou pela Ponte Preta, assim como seu colega de posição Yotún, que passou pelo Vasco. Já o meia Ruidiaz vestiu a camisa do Coritiba.

Gareca deverá definir nos próximos dias a convocação dos atletas que atuam no Peru para completar a lista de convocados. A seleção precisa vencer suas duas partidas se quiser continuar sonhando com uma improvável classificação para a Copa da Rússia, uma vez que já está oito pontos atrás da quinta colocada Argentina.

Confira a primeira parte da convocação da seleção peruana:

Goleiro: Pedro Gallese (Veracruz-MEX).

Laterais: Luis Advíncula (Newell's Old Boys-ARG) e Yotún (Malmö-SUE).

Zagueiros: Christian Ramos (Gimnasia La Plata-ARG)

Meio-campistas: Ruidiaz (Monarcas Morelia-MEX), Cueva (São Paulo) e Renato Tapia (Feyenoord).

Atacantes: Paolo Guerrero (Flamengo), André Carrillo (Benfica), Luiz da Silva (PSV) e Édison (Aalborg-DIN).

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.