Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

Com desfalques, Tite escala Dracena e Edílson na defesa

Na lateral-esquerda, Guilherme Arana está mantido na equipe

RAPHAEL RAMOS, O Estado de S. Paulo

08 de setembro de 2015 | 18h33

O Corinthians enfrentará o Grêmio nesta quarta-feira, às 22h, no Itaquerão, com apenas um titular na defesa: Felipe. O técnico Tite não poderá contar com o zagueiro Gil, o lateral-direito Fagner, ambos suspensos, e o lateral-esquerdo Uendel, machucado.

Para as vagas de Gil e Fagner, o treinador confirmou nesta terça-feira as entradas de Edílson e Edu Dracena. Na lateral-esquerda, Guilherme Arana, que já foi titular contra Fluminense e Palmeiras, está mantido na equipe.

Outros dois desfalques são Bruno Henrique, que ainda se recupera de lesão tornozelo esquerdo, e Elias, na seleção brasileira. Assim, Ralf e Marciel estão confirmados entre os titulares.

O Corinthians lidera o Campeonato Brasileiro com 50 pontos, seis a mais do que o Grêmio. Por isso, Tite considera o jogo desta quarta-feira como decisivo para a sequência da competição. "Sabemos da importância do jogo, que uma vitória nos distancia, um empate mantém a distância e uma derrota faz o time deles se aproximar", disse o treinador.

Tite, inclusive, pede o apoio da torcida para superar o Grêmio. Já foram vendidos 23 mil ingressos até a tarde desta terça-feira. "O Grêmio é um time de muitas triangulações. Nossa equipe precisa estar concentrada para ter a torcida ajudando quando tivermos a posse de bola", disse Tite.

O Corinthians deve jogar com Cássio; Edílson, Felipe, Edu Dracena e Guilherme Arana; Ralf, Marciel, Renato Augusto e Jadson; Malcom e Vagner Love.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansFelipe

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.