Com desfalques, Inter muda o esquema

Acostumado a montar o time no 3-5-2, o técnico Muricy Ramalho vai ter de mudar o esquema do Internacional para o jogo desta quarta-feira contra o São Paulo, às 21h50, no Beira-Rio. Com vários desfalques, o treinador colocará em campo a equipe no 4-4-2 para buscar a vitória e não deixar o Corinthians se distanciar na liderança do Campeonato Brasileiro. Para o confronto contra o São Paulo, o Inter não vai contar com a zaga titular. Wilson e Índio, lesionados, e Bolívar e Vinícius, suspensos, desfalcam a equipe. Esta é a principal causa pela qual Muricy optou pelo 4-4-2. Edinho e Ediglê começam como titulares. Mas os desfalques não ficam apenas no setor defensivo. O volante paraguaio Gavilán e o atacante colombiano Rentería foram convocados para defender seus países nas Eliminatórias para a Copa de 2006 e desfalcarão o Inter nesta quarta e na próxima rodada, contra o São Caetano, na próxima terça. Com a ausência de vários jogadores, a chance acaba sendo boa para o meia Márcio Mossoró, que fará sua primeira partida como titular desde que chegou à equipe, no começo de setembro. Já Fernandão, que contra o Fluminense jogou no meio-campo, fará dupla de ataque com Rafael Sóbis, artilheiro do time na competição com 12 gols marcados. Apesar de mudar de posição, Fernandão não reclama. ?Em um momento como esse, temos é que colaborar?.

Agencia Estado,

04 de outubro de 2005 | 18h22

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.