Márcio Cunha/Chapecoense
Márcio Cunha/Chapecoense

Com desfalques provocados pelo coronavírus, Catarinense recomeça nesta quarta

Estadual recomeça nas quartas de final, com clássicos e com ausências em razão da covid-19

Leandro Silveira, O Estado de S.Paulo

08 de julho de 2020 | 08h29

O Campeonato Catarinense é o segundo torneio estadual a ser retomado após a paralisação do futebol nacional, provocada pela pandemia do coronavírus. Depois do Carioca, o torneio recomeça nesta quarta-feira já nas quartas de final, com a disputa dos jogos Criciúma x Marcílio Dias, às 19 horas, no Heriberto Hülse, e Chapecoense x Avaí, na Arena Condá.

As partidas desta quarta terão dois desfalques em função de casos de coronavírus. O técnico do Marcílio Dias, Moisés Egert, testou positivo para o coronavírus na última segunda-feira e está em isolamento social. Assim, o time será dirigido nesta pelo auxiliar permanente Carlos Alberto Teco.

“O técnico está afastado dos trabalhos, em total isolamento, desde o começo da semana passada, quando apresentou sintomas leves no fim de semana anterior. O departamento médico do clube, na ocasião, decidiu pelo afastamento prévio, para se certificar. Moisés realizou teste de covid-19 na terça-feira passada, dia 30 de junho, e o mesmo apontou estar negativo. Mesmo assim, o técnico permaneceu afastado das atividades presenciais. Nesta segunda-feira mais um teste foi realizado e, desta vez, apontou a presença do vírus”, explicou o clube em publicação no seu perfil no Instagram.

Já Charly Deretti havia sido escalada como quarta árbitra da partida entre Chapecoense e Avaí. Porém, o seu exame para coronavírus - a realização dos testes é uma das medidas do protocolo para a volta o torneio - deu positivo. Com isso, ela foi afastada e será substituída na Arena Condá por Tiago Bender.

A rodada de ida do primeiro mata-mata do Campeonato Catarinense prossegue na quinta, quando o Juventus enfrenta o Figueirense, no estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul, e o Joinville recebe o Brusque, na sua arena. E os jogos de volta das quartas de final estão agendados para o próximo domingo.

Com a disputa de duas rodadas por semana, o Estadual poderá estar concluído em 26 de julho. Os jogos da briga contra o rebaixamento entre Tubarão e Concórdia estão marcados para os dias 14 e 19.

 

Como está o campeonato

A primeira fase do Campeonato Catarinense terminou com o Avaí na liderança, com 17 pontos somados. Seu adversário nas quartas de final, a Chapecoense, só conseguiu a classificação na rodada final, quando bateu o Tubarão por 3 a 1, também se livrando do risco de rebaixamento.

Vice-líder com os mesmos 17 pontos do Avaí, o Brusque fará um duelo de melhores ataques da competição com o sétimo Joinville - ambos fizeram 13 gols. Seis deles para o Brusque foram de Edu, o artilheiro da competição.

O aval da Secretaria de Saúde de Santa Catarina para a volta do torneio veio com a exigência de cumprimento de uma série de protocolos. Ficou determinada a proibição de torcedores no estádio e a diminuição da presença de funcionários dos clubes em dias de jogos. Além disso, todos os envolvidos serão obrigados a passar por avaliação antes de cada treino ou partida. Também estão vetadas a presença de jornalistas que não sejam cinegrafistas das emissoras detentoras dos direitos de transmissão nos gramados e qualquer tipo de aglomeração.

O último balanço do governo de Santa Catarina aponta que o Estado registra 420 óbitos e 35.343 casos de coronavírus.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.