Dolores Ochoa / EFE
Dolores Ochoa / EFE

Com dois a mais, Grêmio perde pênalti e fica no empate com o La Equidad pela Sul-Americana

Equipe colombiana tem Andrés Correa e Omar Duarte expulsos, mas Guilherme Azevedo desperdiça cobrança

Redação, O Estado de S.Paulo

27 de maio de 2021 | 23h51

Com um time recheado de garotos, o Grêmio empatou por 0 a 0 com o La Equidad, da Colômbia, no Estádio Bellavista, em Ambato, no Equador, nesta quinta-feira, pela última rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana. O time gremista, que chegou a ficar com dois jogadores a mais, poderia ter vencido, mas perdeu pênalti com Guilherme Azevedo no segundo tempo.

O resultado não alterou as posições dos times na classificação do Grupo H. O Grêmio, que entrou em campo já garantido na próxima fase, ficou na primeira posição, com 16 pontos. O La Equidad encerrou a participação na terceira posição com sete pontos. No outro jogo da chave, ambos eliminados, Lanús, da Argentina, e Aragua, da Venezuela, também empataram sem gols em Buenos Aires.

Com a vaga nas oitavas de final garantida com uma rodada de antecedência, o Grêmio mandou ao Equador um grupo de apenas 15 jogadores com idade média de 21 anos. Nem mesmo o técnico Tiago Nunes viajou, com o time sendo dirigido no confronto pelo auxiliar Thiago Gomes.

Com bola rolando, o sub-21 do Grêmio fez frente ao La Equidad e criou boa parte das oportunidades de gol no primeiro tempo. Logo aos 19 minutos, Guilherme Azevedo dominou, foi para cima da marcação e finalizou cruzado. Nenhum companheiro apareceu na área e a bola acabou saindo pela linha de fundo.

Com apenas três jogadores no banco de reservas, o auxiliar Thiago Gomes foi obrigado a substituir Elias, machucado, e improvisar o meio-campista Rildo como um falso nove. E ele quase fez o gol gremista no primeiro tempo. Aos 34, Varela roubou bola e ele recebeu em ótima condição de finalizar, mas acabou falhando e perdendo gol incrível.

No retorno do intervalo, o Grêmio viu as chances de vitória aumentarem com a expulsão de Omar Duarte, que deixou o cotovelo no rosto de Mateus Sarará, levou o segundo amarelo e consequentemente o vermelho.

Em vantagem numérica, o Grêmio pressionou e teve a chance de abrir o placar em cobrança de pênalti, após Rildo ser derrubado dentro da área. Porém, aos 17 minutos, Guilherme Azevedo foi para a cobrança e o goleiro Román defendeu no canto direito, mantendo o placar em igualdade.

Os garotos do Grêmio seguiram melhor em campo, mas sem muita efetividade. Aos 36, o La Equidad perdeu Andrés Correa, também expulso, mas os brasileiros não souberam aproveitar a vantagem numérica ainda maior e acabaram deixando o campo com apenas um ponto na despedida da fase de grupos.

FICHA TÉCNICA

LA EQUIDAD-COL 0 X 0 GRÊMIO

LA EQUIDAD-COL - Román; Pestaña (Castaño), John García, Mena (Fuentes) e Andrés Correa; Zapata (Carlos Rodríguez), Pablo Lima (Salazar), Motta, Torralvo e Mantilla (Cuero); Omar Duarte. Técnico: Alexis García.

GRÊMIO - Gabriel Chapecó; Mateus Sarará, Emanuel, Heitor e Varela; Victor Bobsin, Fernando Henrique (Thayllon), Vini Paulista, Guilherme Azevedo e Bitello; Elias (Rildo). Técnico: Thiago Gomes (auxiliar).

ÁRBITRO  - Marlon Vera (EQU).

CARTÕES AMARELOS  - Pestaña e Mena (La Equidad); Emanuel, Victor Bobsin, Fernando Henrique e Rildo (Grêmio).

CARTÕES VERMELHOS  - Andrés Correa e Omar Duarte.

LOCAL  - Estádio Bellavista, em Ambato (Equador).

Tudo o que sabemos sobre:
GrêmiofutebolCopa Sul-americana

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.