Com dois a mais, Inter bate a Udinese e segue na briga por competições europeias

Em meio a uma temporada para se esquecer, a Inter de Milão pode terminar o Campeonato Italiano com uma inesperada vaga para a Liga Europa. Nesta terça-feira, a equipe se aproveitou de duas expulsões da Udinese para vencer o adversário por 2 a 1, fora de casa, e se aproximar da zona de classificação para as competições continentais.

Estadão Conteúdo

28 de abril de 2015 | 17h49

O resultado levou a Inter a 48 pontos, em sétimo, dois a menos em relação à Sampdoria, que está em quinto e hoje iria para a Liga Europa, mas ainda atua na rodada. No domingo, os milaneses terão pela frente o Chievo, em casa. Já a Udinese está fadada a terminar no meio da tabela. Atualmente, ocupa a 13.ª posição, com 38 pontos, e pega o Verona também no domingo.

A Inter acabou beneficiada com a expulsão precoce de Maurizio Domizzi, que recebeu o vermelho ainda aos 41 do primeiro tempo. Aos três da etapa final, Mauro Icardi cobrou pênalti com categoria e abriu o placar.

Mesmo com um a menos, o veterano Di Natale deixou tudo igual aos cinco, em belo gol, mas já aos 14 a Udinese perdeu outro jogador: Emmanuel Agyemang-Badu, também expulso. Aí ficou mais fácil para a Inter, que chegou à vitória aos 21, em belo chute da meia-lua de Podolski, que acertou o ângulo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.