Peter Cziborra/AP
Peter Cziborra/AP

Com dois de Pulisic, Chelsea decide no 1º tempo e goleia Crystal Palace no Inglês

Com 54 pontos, time londrino depende de resultado do West Ham, que joga neste domingo, para se manter na 4ª posição

Redação, Estadão Conteúdo

10 de abril de 2021 | 16h14

Disposto a retomar seu lugar no grupo dos quatro melhores do Campeonato Inglês, o Chelsea passou fácil pelo Crystal Palace neste sábado. Fora de casa, no Selhurst Park, o time comandado por Thomas Tuchel decidiu o jogo ainda no primeiro tempo, com três gols, e goleou o adversário por 4 a 1.

Com o resultado, o Chelsea subiu para a quarta colocação, desbancando o Liverpool. Com 54 pontos, 20 a menos que o líder Manchester City, o time londrino depende de resultado do West Ham, que joga neste domingo, para se manter na posição. O Crystal Palace, por sua vez, permanece em 13º lugar, com 38 pontos.

O Chelsea entrou em campo ofensivo, com domínio de jogo desde os primeiros minutos. Aos oito minutos, Hudson-Odoi fez a bola chegar a Kai Havertz, que não desperdiçou a chance e abriu o placar. Não dando tempo para o adversário se recuperar, Pulisic recebeu assistência do autor do primeiro gol e, aos dez, balançou novamente as redes dos donos da casa.

O Crystal Palace tentou se estabelecer dentro de jogo e buscava criar oportunidades para diminuir a vantagem, mas o Chelsea se mostrava soberano e mantinha o controle da partida. Aos 30 minutos, com passe de Mount, o zagueiro Kouma encontrou uma brecha na defesa do adversário e aumentou a diferença para a equipe visitante. Vitória praticamente definida no primeiro tempo.

Ao retornar para o segundo tempo, o Crystal Palace buscava reagir e chegar, pelo menos, ao empate. Aos 18 minutos, Christian Benteke recebeu assistência de Schlupp e conseguiu diminuir a vantagem dos visitantes, fazendo 3 a 1.

Mas a estrela de Pulisic brilhou intensamente neste sábado e, aos 33 minutos, o meio-campista norte-americano balançou as redes dos donos da casa novamente e sacramentou a bela vitória do Chelsea.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.