Andres Stapff/Reuters
Andres Stapff/Reuters

Com dois de Vagner Love, Corinthians elimina Wanderers e avança às quartas da Sul-Americana

Time alvinegro enfrentará o Fluminense na próxima fase da competição e agora se prepara para o clássico com o Palmeiras, domingo

João Prata, O Estado de S.Paulo

01 de agosto de 2019 | 23h21

Com time misto, o Corinthians derrotou o Montevideo Wanderers por 2 a 1 nesta quinta-feira e garantiu vaga nas quartas de final da Copa Sul-Americana. Vagner Love marcou os dois gols e confirmou a tranquila classificação - o time alvinegro havia vencido o jogo de ida por 2 a 0

Na próxima fase, a equipe de Fábio Carille terá pela frente o Fluminense, que eliminou o Peñarol. A Conmebol ainda não definiu a data dos confrontos, mas é provável que aconteça nos dias 21 e 28. Certo é que a delegação corintiana volta nesta sexta-feira do Uruguai de olho no clássico com o Palmeiras, domingo, na arena em Itaquera. 

Na verdade, a comissão técnica já viajou para Montevidéu de olho no duelo pelo Campeonato Brasileiro. Tanto é que Carille poupou titulares como Manoel, Junior Urso e Sornoza. Pedrinho também não viajou, mas por estar suspenso.

Quem melhor aproveitou a oportunidade foi Matheus Jesus. Em sua estreia como titular, ele fez um grande primeiro tempo. Diante de um adversário fraco tecnicamente, o Corinthians se mostrou seguro no setor defensivo e criou boas oportunidades para sair na frente no marcador.

As principais chances nos 45 minutos iniciais foram com Jesus. Na primeira, ele recebeu na entrada da área e bateu para defesa do goleiro Arruabarrena. Depois, recebeu fora da área e mandou uma bomba que acertou o travessão do Wanderers. Mateus Vital, responsável pela armação das jogadas, também foi bem e deu velocidade nas puxadas de contra-ataque.

O gol saiu no início do segundo tempo. Clayson lançou para Ramiro, que tocou na saída do goleiro e acertou a trave. Vagner Love aproveitou a sobra e mandou para as redes. Os jogadores relaxaram e levaram o empate logo em seguida. Gabriel perdeu a bola, Bravo avançou e chutou de longe. Cássio errou o tempo da bola e deixou passar.

Mas o Wanderers não ameaçava a classificação. Em um rápido contra-ataque, Ramiro cruzou da direita e Love voltou a colocar o Corinthians em vantagem. O time uruguaio precisava agora de quatro gols para avançar no torneio. Carille, então, aproveitou para dar descanso aos jogador e tirou da partida Jesus e Love para as entradas de Junior Urso e Boselli. Gustagol ainda entrou na parte final e fez seu primeiro jogo após a pausa da Copa América - ele ficou de fora nos jogos anteriores por causa de problema muscular.

FICHA TÉCNICA:

MONTEVIDEO 1 X 2 CORINTHIANS

MONTEVIDEO WANDERERS: Arruabarrrena; Barrandeguy, Macaluso, Bueno e Morales; Veglio, Gabriel Pérez (César Araújo), Bravo e Albaracín (Coitiño); Riolfo e Barreto (Méndez). Técnico: Román Cuello.

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Gil, Henrique e Carlos Augusto; Gabriel, Matheus Jesus (Junior Urso), Ramiro (Gustagol), Mateus Vital e Clayson; Vagner Love (Boselli). Técnico: Fábio Carille.

GOLS: Vagner Love, aos 2, Bravo, aos 4, e Vagner Love, aos 15 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO: Eber Aquino (PAR)

CARTÕES AMARELOS: Macaluso, Barreto e Barrandeguy; Ramiro e Matheus Jesus

PÚBLICO E RENDA: Não disponíveis.

LOCAL: Parque Central, em Montevidéu (URU).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.