Zipi/EFE
Zipi/EFE

Com dois golaços de James Rodríguez, Real Madrid atropela o Bétis

Time merengue faz festa no Santiago Bernabéu com surra de 5 a 0

Estadão Conteúdo

29 Agosto 2015 | 20h01

Com dois golaços de James Rodríguez, o Real Madrid atropelou o Bétis com uma vitória por 5 a 0 neste sábado, no Santiago Bernabéu, em duelo válido pela segunda rodada do Campeonato Espanhol. Gareth Bale também teve boa atuação e marcou duas vezes. Benzema fechou a conta para os anfitriões que subiram para o terceiro lugar na tabela com quatro pontos, dois a menos do que Barcelona (2º) e o Celta de Vigo, que lidera. O Bétis é o 15º colocado com apenas um ponto.

O Real não deu nem tempo para o adversário pegar na bola e abriu o marcador logo aos 2 minutos. James cruzou na área e Bale completou de cabeça. Sem força para reagir, o Bétis conseguiu segurar o placar até os 39 minutos, quando James marcou o seu primeiro belo gol. Em falta próxima à lateral direita da área do adversário, ele mandou uma bomba de canhota no canto oposto do goleiro. A bola bateu na trave e entrou.

O terceiro gol saiu no primeiro minuto da etapa final. James tabelou com o brasileiro Danilo, que começou entre os titulares, e tocou para Bale, que cruzou. Benzema apareceu livre no meio da área para marcar de cabeça. Dois minutos depois, James provou que estava inspirado. Após chute na área, o colombiano dominou, levantou a bola e emendou uma bicicleta para as redes do adversário.

Na metade do segundo tempo, o ex-são-paulino Casemiro entrou em campo no lugar de Toni Kroos. E ele não passou em branco. Aos 44, tocou de letra no meio de campo para Bale, que avançou pela intermediária e soltou uma bomba para fechar o placar. O português Cristiano Ronaldo esteve em campo nos 90 minutos, mas teve uma atuação discreta.

Em outro duelo deste sábado pelo Campeonato Espanhol, o Celta venceu o Rayo Vallecano por 3 a 0, em casa, e assumiu a liderança da tabela. O time anfitrião foi a seis pontos e superou o Barcelona em saldo (4 a 2). Os visitantes estão em 14º, com um ponto. O Celta se aproveitou da vantagem de ter um jogador a mais desde os nove minutos do primeiro tempo por causa da expulsão de Tono e garantiu o resultado graças a dois gols do atacante Nolito e outro de Andreu Fontas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.