Com dois gols de Mazinho, Palmeiras faz 4 a 0 no Paraná e se classifica na Copa do Brasil

A goleada na Arena Barueri também teve gol de Valdivia e Maikon Leite. O time de Felipão vai agora encarar o Atlético Paranaense

estadão.com.br

09 de maio de 2012 | 21h28

SÃO PAULO - O Palmeiras goleou o Paraná por 4 a 0 na noite desta quarta-feira na Arena Barueri, e se classificou para as quartas de final da Copa do Brasil. O destaque da vitória foi o recém-contratado Mazinho, que foi titular pelo segundo jogo seguido, fez dois gols e vai se firmando no elenco de Felipão. Agora, o próximo adversário palmeirense é o Atlético-PR, que eliminou o Cruzeiro.

Como tinha vencido o Paraná por 2 a 1 no jogo de ida, há duas semanas, em Curitiba, o Palmeiras entrou em campo em situação confortável. E o técnico Luiz Felipe Scolari apostou na mesma escalação do confronto anterior, novamente com Mazinho como companheiro de ataque de Barcos. Mazinho veio do Oeste e caiu na graça do torcedor.

JOGO

A primeira grande chance foi do Paraná. Aos nove minutos, o atacante Douglas recebeu na entrada da área, mas, mesmo sozinho, se atrapalhou e acabou chutando mal, para fora. Do lado palmeirense, as melhores oportunidades foram em chutes de longe, com Valdivia e Juninho. O Palmeiras, então, chegou ao gol na sua jogada mais tradicional: a bola parada.

Em cobrança de falta de Marcos Assunção, aos 25 minutos, Mazinho apareceu por trás da defesa do Paraná e tocou para o gol, fazendo 1 a 0. Logo depois disso, aconteceu um empurra-empurra dentro da área palmeirense e o árbitro Péricles Bassols Pegado Cortez optou por expulsar os dois envolvidos na confusão (Henrique e Douglas).

No intervalo, Felipão optou por tirar o atacante Barcos para colocar o zagueiro paraguaio Román e, assim, recompor a defesa após a expulsão de Henrique - até então, Marcos Assunção vinha jogando improvisado na zaga com a ajuda de Márcio Araújo. Apesar de ter menos atacantes, o Palmeiras marcou mais um gol logo aos cinco minutos do segundo tempo, novamente com Mazinho, que recebeu na entrada da área e chutou forte.

Quando não marcou gol, Mazinho serviu os companheiros. Em noite iluminada, ele fez uma boa jogada aos 16 minutos e chutou cruzado para Valdivia ampliar para 3 a 0. Na verdade, buscou o gol e errou o chute. O Paraná ainda tentou reagir, levando perigo ao goleiro Bruno, mas foi o Palmeiras que ampliou. Num rápido contra-ataque, aos 27, Maikon Leite definiu a goleada palmeirense por 4 a 0.

Com a classificação garantida para as quartas de final, o Palmeiras consegue diminuir a decepção pela eliminação precoce no Paulistão e ganha um pouco mais de tranquilidade para a sequência da temporada. Além disso, mantém a campanha perfeita na Copa do Brasil, passando a ter cinco vitórias em cinco jogos disputados. Agora, o desafio é contra o Atlético-PR.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 4 X 0 PARANÁ

PALMEIRAS - Bruno; Cicinho, Henrique, Maurício Ramos e Juninho; Márcio Araújo, João Vítor, Marcos Assunção e Valdivia (Patrik); Barcos (Román) e Mazinho (Maikon Leite). Técnico: Luiz Felipe Scolari.

PARANÁ - Luís Carlos; Paulo Henrique, André Vinícius, Alex Alves e Fernandinho; Cambará, Douglas Packer, Wellington (Elias) e Luisinho; Douglas Tanque e Nilson (Hugo). Técnico: Ricardinho.

GOLS - Mazinho, aos 25 minutos do primeiro tempo; Mazinho, aos 5, Valdivia, aos 16, e Maikon Leite, aos 27 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Péricles Bassols Pegado Cortez (RJ).

CARTÃO AMARELO - Cambará, Wellington e Maurício Ramos.

CARTÃO VERMELHO - Henrique e Douglas.

RENDA - Não disponível.

PÚBLICO - 10.855 pagantes.

LOCAL - Arena Barueri, em Barueri (SP).

AO VIVO

SEGUNDO TEMPO

45 min - Acabou. Palmeiras classificado para as quartas de final da Copa do Brasil. Vai encarar outro time paranaense, o Atlético.  

43 min - Os gols deram ao Palmeiras a tranquilidade que precisava para fazer uma boa apresentação. Também sobrou mais espaço após as expulsões, uma de casa lado: Henrique, do lado do Palmeiras, e Douglas, no Paraná. O Atlético Paranaense bateu o Cruzeiro e se classificou. Vai jogar com o Palmeiras nas quartas da Copa do Brasil.

40 min - Pouco mais de 10 mil torcedores estão na Arena Barueri.

38 min - A CBF decide nesta quinta-feira horários e locais dos próximos confrontos da Copa do Brasil. Persistindo os resultados da rodada desta noite, o Palmeiras vai encarar o Atlético Paranaense nas quartas de final.  

35 min - A entrada de Maikon Leite foi para explorar os espaços na defesa do Paraná, que se lança para o ataque, sem desistir do jogo, e deixa buracos atrás. Os jogadores não têm mais fôlego para voltar com rapidez. 

30 min - A torcida do Palmeiras faz a festa. Grita olé. Felipão pede respeito dos seus jogadores ao adversário, principalmente ao técnico Ricardinho, com quem trabalhou na Copa do Mundo de 2002.

27 min - GOOOLLLLL do Palmeiras: 4 a 0. De Maikon Leite. Virou goleada. O atacante havia acabado de entrar no lugar de Mazinho. Foi sua primeira jogada. Contra-ataque provocado por um erro do zagueiro do Paraná no meio de campo. Maikon Leite avançou e encheu o pé.

22 min - A torcida grita olé na Arena Barueri. Com os 3 a 0 e mais os 2 a 1 do jogo de ida, o Paraná, dirigido por Ricardinho, ex-jogador do Corinthians, precisaria fazer agora cinco gols em 23 minutos. 

17 min - GOOLLL do Palmeiras: 3 a 0. De Valdivia. O meia acompanha a trajetória da bola em chute errado de Mazinho para o gol e marca. O último gol de Valdivia foi no dia 30 de outubro. O meia festejou muito com os companheiros.  

15 min - O Palmeiras, com esse resultado, vai jogar contra o Atlético Paranaense, que ganha do Cruzeiro por 2 a 1. No primeiro confronto, o time paranaense venceu por 1 a 0. O Palmeiras toma um susto numa bobeada do goleiro Bruno. A bola ficou viva na área. Elias chuta perigoso, para fora. Bom lance do Paraná.

10 min - O Palmeiras toma conta do jogo. O Paraná já não tem mais a distribuição em campo do primeiro tempo. Vai com  tudo para o ataque porque precisa de gols, agora quatro para tirar a classificação do Palmeiras.

5 min - GOOLLL do Palmeiras: 2 a 0. Mazinho de novo. Ele recebeu livre passe de Marcos Assunção e bateu firme no cantinho, em chute de fora da área. Mazinho começa a cair na graça da torcida do Palmeiras.

1 min - Começou... Felipão tirou Barcos para recompor sua defesa. Escalou o zagueiro Román. Ganhando por 1 a 0, o treinador preferiu preservar seu setor defensivo. Mazinho fica sozinho no ataque, à espera das chegadas de Valdivia.

FRASES DO INTERVALO

Fernandinho, do Paraná:

"Temos de concluir a gol. O árbitro ainda contribui. Temos qualidade para conseguir os três gols."

Marcos Assunção, do Palmeiras:

"O importante é ajudar o Pameiras de qualquer maneira. Conseguimos o resultado e estamos na frente. Vamos conversar agora e voltar com mais pegada."

PRIMEIRO TEMPO

46 min - Acabou o primeiro tempo.

45 min - O juiz deu 1 minuto a mais.

42 min - O Palmeiras vai bem, mas sofre e assusta um pouco na marcação. Nesse fim de primeiro tempo, passou a ter também os contra-ataques. Barcos tem aparecido bem na área. Deu passe bom para a conclusão de Juninho, que bate na zaga. O Palmeiras foi bem nesta primeira parte. Fez seu gol, aumentou a vantagem e não correu tantos riscos.

37 min - Agora é o Palmeiras que cerca a saída de bola do Paraná, com os laterais e os meias.

32 min - O Paraná agora precisa fazer três gols para se classificar. Felipão mantém o Palmeiras sem um de seus zagueiros. Márcio Araújo está mais fixo.

27 min - O zagueiro Henrique se estranhou com Douglas e ambos foram expulsos. Houve um empurrou de Douglas em Henrique e depois o zagueiro do Palmeiras deu uma leva cabeçada no adversário. O juiz viu e mandou os dois mais cedo para o chuveiro. Henrique caiu na provocação.

25 mim - GOOOLLLL do Palmeiras: 1 a 0. Marcos Assunção cobrou falta no segundo pau e pegou Mazinho entrando por ali. O atacante tocou bem. Foi seu primeiro gol no Palmeiras. O jogou estreou no jogo de ida contra o Paraná, em Curitiba.

23 min - Juninho foi cruzar e quase encobre o goleiro do Paraná. O Palmeiras não consegue entrar na área do adversário, mas tem chance de chutar de longe. 

22 min - O jogo não é bonito. Como fez dois gols em Curitiba, o Palmeiras pode até perder por 1 a 0 que se classifica. Só não pode descuidar da defesa. O Parabá sempre tem jogadores na área do Palmeiras, atrapalhando a saída de bola e forçando os chutões.

18 mim - Na primeira tentativa de falta de Marcos Assunção, o volante acerta a barreira. No escanteio, a defesa do time paranaense alivia. O Palmeiras já fica mais tempo com a bola e vai tomando conta da situação. O Paraná quer ver a bola no ataque. O goleiro já fez dois lançamentos diretos para seus atacantes. A defesa do Palmeiras precisa ficar ligada.

13 min - Juninho bateu forte de longe e obrigou o goleiro do Paraná a fazer boa defesa. O Palmeiras começa a se encontrar em campo, pelo menos do meio para frente. A defesa ainda bate cabeça e corre atrás dos jogadores.

10 min - Num contra-ataque do Paraná, o Palmeiras quase sofre gol. Bobeada da defesa e do meio de campo. Assustou o torcedor palmeirense. 

8 min - Valdivia arrisca de longe e o goleiro assusta seu treinador. A bola quase escapa. Ricardinho quer o seu Paraná marcando a saída de bola do Palmeiras. Isso também sará espaço para atacar. Felipão quer o Palmeiras pelos lados.

5 min - O Paraná congestiona o meio de campo. Impede que Valdivia pegue na bola. E usa a velocidade, pirncipalmente pela esquerda, nas costas de Cicinho, para atacar. 

3 min - O Paraná presiona o Palmeiras, não deixa o rival tocar a bola com facilidade pelo meio. O Palmeiras tenta pela esquerda encontrar seu espaço.

1 min - Começou... O Palmeiras aposta suas fichas em Valdivia. Felipão deixou novamente Maikon Leite no banco e escalou Mazinho ao lado de Barcos, que admitiu no meio da semana que caiu de produção na reta final do Paulistão. O Palmeiras ganhou o primeiro jogo por 2 a 1.

 

Notícias relacionadas
    Tudo o que sabemos sobre:
    PalmeirasParaná ClubeCopa do Brasil

    Encontrou algum erro? Entre em contato

    Tendências:

    O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.