Marco Oliveira/Divulgação
Marco Oliveira/Divulgação

Com dois de Walter, Atlético-PR supera o Goiás e encosta no G-4

Atacante coloca paranaenses em sexto e derruba goianos para o Z-4

JOÃO PRATA, Estadão Conteúdo

30 de agosto de 2015 | 20h36

Com dois gols de Walter e um de Ewandro, o Atlético-PR venceu o Goiás por 3 a 0 neste domingo, em casa, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com a vitória, o time paranaense encerrou uma série de cinco jogos invicta do adversário e subiu para o sétimo lugar, com 33 pontos, a apenas um do G4. A equipe esmeraldina voltou para a zona de rebaixamento com 22 pontos, em 17º.

Os dois times voltam a campo na próxima quarta-feira. O Atlético-PR visita o Atlético-MG, às 21 horas, no Independência, em Belo Horizonte. O Goiás recebe o Palmeiras, às 22 horas, no Serra Dourada.

A partida começou em ritmo lento na Arena da Baixada. As duas equipes evitaram se arriscar e a primeira chance de gol surgiu apenas aos 20 minutos. Walter deu boa assistência e deixou Marcos Guilherme na cara do gol. O jogador, no entanto, chutou em cima do goleiro Renan. Seis minutos depois, Nikão lançou para Walter nas costas da zaga. O atacante dominou, protegeu bem a bola e chutou forte na saída do goleiro para abrir o placar.

O Goiás não criou nenhuma oportunidade de gol na etapa inicial e voltou para o segundo tempo mais ligado. O time conseguiu ameaçar logo aos 3 minutos, quando Diogo Barbosa cruzou rasteiro da esquerda, e Zé Eduardo completou à direita do gol de Weverton.

No entanto, o Atlético-PR recuperou o domínio da partida e teve duas boas chances de ampliar em chutes de fora da área. Na primeira, o volante Otávio avançou pela intermediária e chutou por cima do gol. Na outra, Daniel Hernández bateu cruzado da esquerda e obrigou o goleiro Renan fazer grande defesa.

O Goiás se encolheu e não levou o segundo porque Hernani foi lento no momento de finalizar. Walter encontrou o jogador livre no lado direito da área adversário. Ele dominou, mas em vez de bater para o gol, tentou cortar um marcador e perdeu a bola.

Os visitantes tentaram responder, mas sem muito perigo em chute para fora de David e em falta cobrada por cima do gol por Fred. O Atlético-PR então foi mais uma vez ao ataque e definiu a partida. Aos 32 minutos, Hernani tentou dominar na área e foi derrubado por Rodrigo. Pênalti, que Walter bateu forte no canto direito do goleiro para marcar o segundo dele no jogo.

O Goiás sentiu o gol e os anfitriões aproveitaram para manter o domínio e definir o placar no último minuto. Primeiro, Ewandro bateu de fora da área na rede pelo lado de fora. Walter mandou da intermediária com muito perigo. De tanto insistir, saiu o terceiro. Dellatore chutou e Renan deu rebote. Ewandro apareceu na área antes dos zagueiros e mandou para as redes.

FICHA TÉCNICA:

ATLÉTICO-PR 3 X 0 GOIÁS

ATLÉTICO-PR - Weverton; Eduardo (Matheus Ribeiro), Gustavo, Wellington e Sidcley; Otávio, Hernani, Nikão (Ewandro), Daniel Hernández (Dellatorre) e Marcos Guilherme; Walter. Técnico: Milton Mendes.

GOIÁS - Renan; Everton, Alex Alves, Fred e Diogo Barbosa; Rodrigo, Patrick (Murilo) e David; Bruno Henrique, Zé Eduardo e Erik (Ruan). Técnico: Julinho Camargo.

GOLS - Walter, aos 26 minutos do primeiro tempo e aos 32 minutos do segundo tempo; Ewandro, aos 44 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Jaílson Macedo Freitas (BA)

CARTÕES AMARELOS - Zé Eduardo e Rodrigo (Goiás)

RENDA e PÚBLICO - Não disponíveis

LOCAL - Arena da Baixada, em Curitiba (PR)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.