Com dois jogadores a mais, Penapolense bate São Bernardo no Paulistão

Time da casa sofreu muito para superar boa defesa do rival e ganhar por 2 a 1 no Tenente Carriço

AE, Agência Estado

06 de fevereiro de 2014 | 21h57

PENÁPOLIS - Mesmo atuando quase o segundo tempo inteiro com dois jogadores a mais, o Penapolense sofreu muito para bater a boa defesa do São Bernardo e venceu por 1 a 0, nesta quinta-feira, em jogo válido pela sexta rodada do Campeonato Paulista. A partida aconteceu no estádio Tenente Carriço, em Penápolis.

Com a vitória, o Penapolense chega a dois jogos sem perder - havia vencido o Mogi Mirim no último final de semana - e chega a nove pontos no Grupo A. Do outro lado, o São Bernardo continua na zona de classificação do Grupo C, com dez pontos, na segunda posição.

Os dois times fizeram um primeiro tempo fraco, de muito estudo e poucas chances claras de gol. O São Bernardo abusou das faltas duras, mas o Penapolense não aproveitou as bolas paradas para levar perigo ao gol defendido por Wilson Júnior. A primeira oportunidade de finalização apareceu apenas aos 29 minutos. Depois de um cruzamento de Rodnei pelo lado direito, Alex Créu, de costas para o gol, tentou finalizar de bicicleta, mas jogou a bola por cima do gol.

A partida ficou mais complicada para o São Bernardo aos 30 minutos, quando após um puxão na camisa de Washington, Daniel Pereira recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. O técnico Edson Boaro, então, foi obrigado a tirar o meia Erick Flores e ajustar o time com a entrada do volante Willian Favoni.

Na volta do intervalo, os dois times continuaram sem criar muitas oportunidades. Se os atletas não apareciam em lances de efeito, apareciam em lances violentos e não demorou muito para o São Bernardo perder outro jogador. Aos 20 minutos, Fernando Lombardi deu um empurrão em Gualberto na frente do árbitro e recebeu o cartão vermelho direto.

Com dois jogadores a mais, o Penapolense foi com tudo para frente e pressionou o time do técnico Edson Boaro até conseguir abrir o placar. Aos 41 minutos, Douglas Tanque recebeu na entrada da área e chutou forte com o pé esquerdo, sem chances de defesa para Wilson Júnior.

O Penapolense volta a campo na próxima terça, às 19h30, para enfrentar o Paulista, no estádio Jayme Cintra, em Jundiaí. O São Bernardo joga nas mesmas data e horário, em São Bernardo do Campo, no estádio Primeiro de Maio, contra o Atlético Sorocaba. Os jogos serão válidos pela sétima rodada.

FICHA TÉCNICA

PENAPOLENSE 1 x 0 SÃO BERNARDO

PENAPOLENSE - Samuel; Rodnei (Douglas Tanque), Jaílton, Gualberto e Samuel Balbino; Liel (Tiago Alves), Petros, Washington e Neto; Fio (Edílson) e Alex Créu. Técnico: Narciso.

SÃO BERNARDO - Wilson Júnior; Rafael Cruz, Fernando Lombardi, Luciano Castán e Eduardo; Daniel Pereira, Dudu, Erick Flores (Willian Favoni) e Bady; Marcio Diogo (Diego Jussani) e Rodrigo Careca (Magalhães). Técnico: Edson Boaro.

GOL - Douglas Tanque, aos 41 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Rodnei (Penapolense); Careca, Dudu, Erick Flores, Luciano Castán e Wilson Júnior (São Bernardo).

CARTÕES VERMELHOS - Daniel Pereira e Fernando Lombardi (São Bernardo).

ÁRBITRO - Luiz Vanderlei Martinucho.

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Tenente Carriço, em Penápolis (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.