Com dores no tórax, Luis Fabiano é encaminhado ao hospital

O atacante Luis Fabiano, do São Paulo, deixou o Morumbi na noite desta quarta-feira direto para o hospital. O jogador, que marcou o último da gol vitória por 3 a 0 sobre o Vasco, pela Copa do Brasil, sentiu dores no tórax e dificuldade para respirar após cair no gramado em uma dividida e foi levado para um hospital nos arredores no estádio para ser submetido a exames.

CIRO CAMPOS, Estadão Conteúdo

24 de setembro de 2015 | 00h21

O jogador sentiu o problema aos 34 minutos do segundo tempo e, como o técnico Juan Carlos Osorio já havia feito as três substituições, o time terminou o jogo com um a menos. De acordo com o médico do São Paulo, José Sanches, a situação de Luis Fabiano necessitava acompanhamento.

"Ele não está conseguindo se movimentar e nem respirar direito. Como está há muito tempo com sintoma, vamos avaliar. O que preocupa é o tempo que esse sintoma tem demorar para passar", disse o médico à Rádio Globo.

O médico e o atacante deixaram o gramado diretamente para uma ambulância e foram levados ao hospital. Uma das suspeitas de Sanches é que na queda no gramado Luis Fabiano tenha gerado impacto no diafragma e causado a dificuldade para respirar. O jogador chorava e sentia muitas dores na maca.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão Paulo FCLuis Fabiano

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.