Pierre-Philippe Marcou/AFP Photo
Pierre-Philippe Marcou/AFP Photo

Com dores, Piqué dá susto e deixa treino da seleção espanhola mais cedo

Zagueiro sente incômodo no joelho esquerdo e preocupa a Espanha para a estreia na Copa na sexta-feira

Estadão Conteúdo

11 Junho 2018 | 07h42

O zagueiro Gerard Piqué deu um susto na seleção espanhola no treino desta segunda-feira, em Krasnodar, na Rússia. O defensor sentiu dores no joelho esquerdo e decidiu deixar mais cedo a atividade realizada pela manhã, no horário local.

+ Conheça todos os detalhes da taça da Copa, a mais cobiçada do mundo

+ 'Elefante branco' em Sochi é desafio para autoridades russas após a Copa

+ Brasil encontra luxo e privacidade no seu resort em Sochi

O desconforto apontado pelo experiente jogador preocupa Julen Lopetegui porque a Espanha fará sua estreia na Copa do Mundo da Rússia, na sexta-feira, contra Portugal. E, dependendo das condições físicas do atleta, poderá ter poucas chances de entrar em campo na estreia das duas equipes no Grupo B.

Piqué é peça importante na defesa espanhola não somente pela experiência e performance, mas também por estar acostumado a enfrentar Cristiano Ronaldo, principal jogador da seleção portuguesa, nos duelos entre Barcelona e Real Madrid no futebol espanhol e europeu.

Na mesma atividade desta segunda, o meia David Silva também saiu mais cedo do treino. Mas sem indicar qualquer problema físico. A comissão técnica espanhola ainda não se manifestou sobre a condição de Piqué.

 

O aguardado confronto entre Espanha e Portugal será às 15 horas (horário de Brasília) da sexta-feira, na cidade de Sochi.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.