Marcelo Cortes/ CR Flamengo
Marcelo Cortes/ CR Flamengo

Com Dorival Junior, Flamengo encara o Inter em busca da reabilitação no Brasileirão

Após a saída do técnico português Paulo Sousa, o conjunto rubro-negro quer escalar a tabela de classificação do torneio nacional

Redação, Estadão Conteúdo

11 de junho de 2022 | 10h11

Em momentos opostos no Campeonato Brasileiro, Internacional e Flamengo se enfrentam neste sábado, às 21h, no estádio Beira-Rio, pela 11ª rodada. Enquanto o time gaúcho vive boa fase com Mano Menezes, os cariocas acabaram de demitir Paulo Sousa e contrataram Dorival Júnior, que dirigia o Ceará.

O Internacional vem de uma longa sequência sem derrotas. Já são nove jogos, sendo que, na última rodada, empatou com o Santos por 1 a 1, na Vila Belmiro. É o sétimo colocado, com 15 pontos. O líder Palmeiras tem 19.

O Flamengo, por outro lado, vive sobre pressão desde as primeiras rodadas. Nesta semana perdeu dois jogos e a fumaça virou fogo na Gávea. Caiu no Maracanã diante do Fortaleza, por 2 a 1, e no meio de semana perdeu para o Red Bull Bragantino por 1 a 0. A instabilidade fez com que o português Paulo Sousa fosse demitido. O clube carioca é apenas o 14º colocado, com 12 pontos.

O técnico Mano Menezes terá um desfalque importante para o duelo. O meio-campo Edenílson levou o terceiro cartão amarelo e terá que cumprir suspensão automática. Com isso, Rodrigo Dourado deverá ser confirmado entre os titulares.

Mano tem apostado na manutenção do time titular, fazendo apenas mudanças necessárias, fato é que conquistou quatro pontos nos últimos dois jogos, ou seja, dois seis possíveis. "Precisamos fazer da nossa casa um ambiente favorável para a gente. Um ambiente ruim para o adversário", avisou Mano Menezes, que ainda não venceu com o Inter no Beira-Rio.

Do outro lado, o técnico Dorival Júnior estará no banco de reservas no duelo contra o Inter. O nome dele apareceu no BID da CBF e, como ele já está no Rio de Janeiro, poderá comandar o time dentro de campo. A aposta é em um Flamengo com poucas mudanças, já que vem com a mesma base desde 2019. Quem poderá ganhar uma chance é Marinho, jogador que agrada o comandante.

O treinador afirmou que ouviu o coração para deixar o Ceará para dar continuidade ao trabalho de Paulo Sousa no Flamengo. Sua última passagem pelo clube foi em 2018. "Estou feliz por voltar ao Flamengo. Agora é trabalhar para vencer, porque sei do nível de cobrança do clube."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.