Carmen Jaspersen
Carmen Jaspersen

Com Douglas Costa no banco, Bayern vence mais uma na Alemanha

O único gol do jogo foi marcado por Thomas Müller

Estadão Conteúdo

17 de outubro de 2015 | 12h41

Após marcar 16 gols nos últimos quatro jogos do Campeonato Alemão, o Bayern de Munique foi econômico neste sábado. Com o brasileiro Douglas Costa pela primeira vez entre os reservas desde que foi contratado, o time do técnico Pep Guardiola manteve os 100% de aproveitamento ao ganhar do Werder Bremen por 1 a 0.

O placar foi o mais magro o Bayern na temporada, diante de um rival que vinha de quatro derrotas. Até aqui invicto no campeonato, o time de Guardiola havia feito pelo menos dois gols em cada uma das oito primeiras rodada. Mesmo tendo marcada apenas uma vez neste sábado, com Müller, o Bayern ainda tem média de mais três gols por partida - balançou as redes 29 vezes.

Só com vitórias, o Bayern obviamente ocupa a liderança do Campeonato Alemão, com 27 pontos. O Borussia Dortmund, que na sexta-feira abriu a nona rodada vencendo o Mainz fora de casa por 1 a 0, tem 20 pontos e ocupa o segundo lugar, indicando que é o único que pode tentar fazer frente.

O jogo contra o Werder, em Bremen, marcou o fim de uma sequência impressionante de Lewandowski. O polonês vinha de seis jogos seguidos marcando gols, numa período em que foi às redes incríveis 15 vezes. Desta vez, passou em branco.

O único gol do jogo foi marcado por Thomas Müller, aos 23 minutos do primeiro tempo. Thiago Alcântara colocou na área pela ponta esquerda, o atacante dominou de forma estranha, mas parou a bola na cara do goleiro para fazer 1 a 0. Com nove gols em nove rodadas, Müller é o terceiro da lista de artilheiros. Lewandowski já fez 12 (os dois somam 21 dos 27 gols do Bayern) e Aubameyang, do Dortmund, anotou 10.

OUTROS JOGOS

Contratado junto ao Borussia Mönchengladbach para repor as tantas saídas ao fim da temporada passada, Max Kruse finalmente mostrou a que veio no Wolfsburg. Destaque da rodada, ele fez três gols na vitória do atual vice-campeão sobre o Hoffenheim, por 4 a 2, em casa. O brasileiro Luiz Gustavo deu uma assistência. Dante e Naldo também foram titulares.

Com 15 pontos, o Wolfsburg entrou G4, na quarta colocação. Em briga direta, o Schalke 04 sofreu, mas venceu o Hertha Berlin por 2 a 1 em Gelsenkirchen. Höwedes abriu o placar para os donos da casa aos 27 minutos e Kalou empatou no segundo tempo. O Schalke jogou com um a mais desde os 18 do primeiro tempo, mas só alcançou a vitória nos acréscimos, aos 47 do segundo tempo, quando Meyer marcou.

A vitória levou o Schalke a 19 pontos, a um do Borussia Dortmund, em terceiro, enquanto a equipe da capital caiu uma posição e agora é a quinta colocada, com 14. O Bayer Leverkusen, que não saiu do 0 a 0 com o Hamburgo, aparece também com 14 pontos, mas atrás nos critérios de desempate. O novato Darmstadt 98 foi a 13 ao ganhar do Augsburg, por 2 a 0, fora de casa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.