Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Com elenco reforçado, técnico projeta mais pressão no Palmeiras

Marcelo Oliveira trabalha para deixar o elenco todo motivado

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

29 Janeiro 2016 | 16h13

O Palmeiras contratou oito jogadores e manteve a base do time campeão da Copa do Brasil no passado. Por isso, o técnico Marcelo Oliveira acredita que a equipe terá uma cobrança ainda maior, já que tem sido um dos clubes mais comentados no País neste início de temporada.

"Sempre somos pressionados e queremos doar mais. Temos um grupo que deu mais opções e de uma base que conseguiu um título importante. Ainda com um patrocínio maior, algo que nos honra muito e tudo isso dá ainda mais responsabilidade e estamos preparados. Não vai faltar trabalho e empenho para atingir esse objetivo", disse o treinador, em entrevista coletiva realizada nesta sexta-feira, na Academia de Futebol.

Uma das missões do treinador é conseguir manter todo o grupo motivado, já que alguns jogadores que seriam titulares na maioria dos clubes brasileiros ficarão no banco de reservas em diversas partidas. O comandante palmeirense já tem trabalho psicologicamente com os atletas neste sentido desde o início da pré-temporada.

"Conscientizei os jogadores sobre isso. Eles são importantes e em algum momento um bom jogador deverá ficar fora, mas em outro momento, ele vai estar jogando normalmente. Isso nos dá condição de criar uma concorrência saudável e dá ao técnico a possibilidade de ir mudando o time de acordo com o adversário", explicou.

O discurso parece ter cativado os jogadores. Sempre que vão dar entrevistas e durante os treinamentos, os atletas demonstram muita vontade para mostrar serviço.

"É uma satisfação perceber isso. Não temos um jogador destaque. Ao longo desse trabalho, sempre tem alguém que está demonstrando empenho. A verdade é que os jogadores é que vão se escalando", explicou o treinador palmeirense.

O Palmeiras treina na tarde desta sexta-feira na Academia de Futebol, sem a presença da imprensa. A tendência é que o time seja o mesmo que iniciou o treinamento na quinta-feira, com Fernando Prass; Lucas, Leandro Almeida, Vitor Hugo e Zé Roberto; Matheus Sales, Arouca, Dudu, Robinho e Gabriel Jesus; Lucas Barrios.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.