Vasily Fedosenko/Reuters
Vasily Fedosenko/Reuters

Com elenco variado, técnico do Arsenal prevê duelo difícil na Liga Europa

Arsène Wenger não acredita que time inglês terá vida fácil diante do BATE Borisov, fora de casa

Estadão Conteúdo

27 de setembro de 2017 | 19h04

Após estrear com vitória na Liga Europa, há duas semanas, o Arsenal deve ter um elenco mais variado no seu segundo jogo na competição, nesta quinta-feira, contra o BATE Borisov, na Bielo-Rússia. O técnico Arsène Wenger prometeu um time que mescla jogadores jovens e mais experientes neste duelo válido pelo Grupo H.

"Teremos um time experiente com jovens jogadores no banco de reservas. Estamos com um calendário bem apertado e este é um jogo importante. E é por isso que apenas um ou dois jogadores mais jovens vão começar jogando nesta quinta", afirmou o treinador do clube londrino.

Wenger não confirmou a equipe titular, mas indicou o atacante Olivier Giroud e o zagueiro Per Mertesacker começando a partida. Também prometeu as presenças dos jovens Reiss Nelson, meia-atacante de apenas 17 anos, e Joe Willock, meia de 18 anos.

+ Com gols de Neymar e Cavani, PSG arrasa o Bayern

O treinador acredita que o time inglês não encontrará um jogo fácil na Bielo-Rússia. "Os times do país sempre apresentam habilidade técnica em suas formações. E lembro que a França teve um jogo difícil contra a seleção bielo-russa lá", recordou Wenger, referindo-se ao empate sem gols entre as duas seleções, em setembro do ano passado, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018.

O Arsenal lidera o Grupo H da Liga Europa, com três pontos, graças ao triunfo na estreia. O BATE Borisov e o Crvena Zvezda, da Sérvia, têm um ponto cada. E o Colônia, da Alemanha, ainda não pontuou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.