Com erisipela, Raí deve ter alta amanhã

Raí deve ter alta amanhã do Hospital Sírio Libanês. O ex-jogador, de 38 anos, foi internado quarta-feira depois de constatada a necessidade de repouso, em razão de uma erisipela. O primeiro sinal da doença, que se manifesta por uma ferida resultante de processo infeccioso, surgiu há duas semanas, depois de Raí ter participado de um amistoso entre ex-jogadores brasileiros (Zetti e Pintado, entre outros) e a Seleção do Haiti, em Miami. Raí constatou uma feridinha na canela direita, mas não deu importância. No último domingo, o ex-jogador começou a perceber os primeiros sintomas, até que na terça-feira resolveu consultar um médico, já que tinha febre e indisposição aliadas a dores na região da ferida. "No começo ele achou que fosse algum tipo de intoxicação por algo que havia comido", disse Paulo Velasco, que trabalha com Raí. "Ele tem muitos compromissos, sua agenda é muito cheia. Os próprios médicos sugeriram que ele diminua o ritmo."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.