Com espírito de decisão, Vasco enfrenta o Santa Cruz em casa pela Copa do Brasil

Disputando a Série B, time carioca valoriza competição nacional

Thiago Rabelo, especial para o Estado, O Estado de S.Paulo

13 de julho de 2016 | 07h00

Fazer uma boa campanha na Copa do Brasil é o que o Vasco tenta para que o ano de 2016 não tenha apenas o gosto amargo pela participação na Série B do Campeonato Brasileiro. Com foco máximo na competição nacional, o time enfrenta o Santa Cruz, nesta quarta-feira, às 21h45, no estádio de São Januário, no Rio. É o primeiro jogo da terceira fase da competição nacional que premia o vencedor com uma vaga na Copa Libertadores de 2017.

Diferente das duas primeiras fases, o time visitante que vencer por dois ou mais gols de diferença, embora seja vantagem importante para avançar no torneio, não elimina o segundo jogo, que está marcado para o próximo dia 20, no estádio do Arruda, no Recife.

A terceira fase da Copa do Brasil tem início em um momento que o Vasco vive uma fase irregular na Série B. Após um início avassalador, com uma invencibilidade que durou seis meses, o time começou a tropeçar na competição e teve a liderança ameaçada pelo Atlético Goianiense, com derrotas para o adversário goiano, Paysandu e Avaí.

No fim de semana, o time se reabilitou com uma boa vitória sobre o Brasil, de Pelotas (RS), com gol do meia Nenê, artilheiro da equipe na temporada. Sem desfalques, o time precisa de um bom resultado para não passar apuros no estádio do Arruda, que deve receber um grande público no confronto de volta.

O Santa Cruz também vive um momento negativo. Apesar de ter vencido o Internacional no último fim de semana, a equipe emplacou uma sequência de derrotas no Brasileirão e está na zona do rebaixamento, na 18.ª posição.

Por causa do jogo contra o América-MG, neste domingo, o técnico Milton Leite relacionou todos os jogadores para a viagem, mas não poderá contar com o atacante Grafite, que se recupera de uma lesão na coxa e deve ficar à disposição somente no fim de semana. Com o mesmo problema, o lateral-esquerdo Allan Vieira também não enfrenta o Vasco.

Após boa estreia, o atacante Marion, recém-contratado, foi elogiado pelo treinador e segue ao lado de Arthur no ataque pernambucano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.