Divulgação
Divulgação

Com festa, Chapecoense garante acesso para a Série A

Com o resultado, time catarinense termina com o vice-campeonato da competição

Agência Estado

16 de novembro de 2013 | 18h37

CHAPECÓ - O esperado acesso inédito da Chapecoense à elite do futebol nacional foi consumado, neste sábado à tarde, quando empatou com o Bragantino, por 1 a 1, na Arena Condá, pela 36.ª rodada da Série B do Brasileirão. Agora com 66 pontos, a Chapecoense, vice-líder, está matematicamente garantida no Brasileirão de 2014, com duas rodadas de antecedência. O empate caiu bem para o time paulista, que luta contra o rebaixamento, tem 43 pontos e ocupa a 13.ª posição.

O acesso já tinha sido muito comemorado na cidade na terça-feira, após a vitória fora de casa sobre o Paraná, por 1 a 0. Ela era virtual, porque a matemática ainda a impedia de ser efetiva. Mas tudo acabou neste sábado e o time catarinense, de 40 anos de vida, chega ao seu auge.

A Chapecoense subiu ano passado da Série C e agora foi direto para a Série A. Em 2013 foi vice-campeã catarinense, perdendo para o Avaí. Ao todo, foi campeão estadual quatro vezes, a última vez em 2011. A festa verde e branca se estendeu pela cidade e os jogadores embolsaram R$ 1 milhão de prêmio pela conquista.

O JOGO

Neste sábado, jogo foi equilibrado no primeiro tempo. O Bragantino teve uma boa chance com Cesinha, mas quem abriu o placar foi a Chapecoense, com o artilheiro Bruno Rangel. Após o escanteio, ele subiu bem entre os zagueiros e testou no ângulo: 1 a 0, aos 43 minutos.

No começo do segundo tempo, o Bragantino empatou com Lincom, que desviou de costas e de cabeça e encobriu o goleiro Nivaldo. Depois disso, os dois times se acomodaram em campo. Afinal, o empate era importante para os dois. A partir dos 35 minutos, o time da casa passou a tocar a bola de um lado para outro e o Bragantino só ficou na defesa.

Nas últimas duas rodadas, a Chapecoense só vai cumprir tabela com o Icasa, em Juazeiro do Norte (CE) e depois faz a festa em casa diante do campeão Palmeiras. O Bragantino vai sair diante do Paysandu, em Belém, e depois vai receber o Figueirense.

FICHA TÉCNICA:

CHAPECOENSE 1 X 1 BRAGANTINO

CHEPECOENSE - Nivaldo; Alemão,Rafael Lima, Dão e Fabinho Gaúcho; Wanderson, Danilinho (Rodrigo Gral), Diego Felipe e Augusto (Radar); Bruno Rangel e Potita. Técnico - Gilmar Dal Pozo.

BRAGANTINO - Rafael Defendi; Álvaro, Raphael Andrade e Serginho; Geandro, Carlinhos (Yago), Francesco, Magno Cruz (Gustavo) e Alex Barros (Bruninho); Cesinha e Lincom. Técnico - Marcelo Veiga.

GOLS - Bruno Rangel, aos 43 minutos do primeiro tempo. Lincom, aos 8 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Antônio Denival de Morais (PR).

CARTÕES AMARELOS - Alemão e Fabinho Gaúcho (Chapecoense). Serginho (Bragantino).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Arena Condá, em Chapecó (SC)

Tudo o que sabemos sobre:
futebolChapecoenseBragantinoSérie A

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.