Célio Messias/AE
Célio Messias/AE

Com Ganso titular, São Paulo só empata em Campinas

O camisa 8 iniciou uma partida pela primeira vez com a camisa tricolor, mas não conseguiu brilhar

Demétrio Vecchioli, Agência Estado

25 de novembro de 2012 | 16h00

CAMPINAS - Pensando na Sul-Americana, o São Paulo usou apenas reservas neste domingo e não saiu de um empate em 0 a 0 com a Ponte Preta, em Campinas, pela penúltima rodada do Brasileirão. Na primeira partida de Paulo Henrique Ganso como titular, o time teve pouca movimentação e o meia nada conseguiu criar. Cañete também foi testado, entrando no lugar do ex-santista no segundo tempo, mas mal pegou na bola.

Se o jogo valia para alguns jogadores tricolores como chance para provarem que merecem continuar no elenco em 2013, Ney Franco deve ter tido dificuldades para tirar alguma conclusão. O time jogou mal e foi dominado pela Ponte na maior parte do tempo.

Como o Grêmio venceu o Figueirense, o São Paulo já não briga mais pelo segundo lugar do Brasileiro. A equipe está em quarto, com 63 pontos, e vai terminar o torneio neste posto. No domingo, o clássico contra o Corinthians não vale posição. Antes, na quarta, o São Paulo recebe a Universidad Católica no Morumbi na volta da semifinal da Copa Sul-Americana.

Já para a Ponte Preta o empate significou a permanência na Série A, um dia depois de o Guarani, o maior rival, cair para a terceira divisão. A equipe alvinegra tem 47 pontos e cumpre tabela contra a Portuguesa na última rodada.

Ney Franco surpreendeu na escalação do time reserva do São Paulo. Apesar de já ser certo que Willian José não fica para 2013, ele foi escalado como único atacante do time. Ademilson ficou no banco para Maicon fazer companhia a Ganso e Cícero na função de armar o time.

Mas a escolha do treinador deixou o São Paulo estático em campo. Os três meias, mais os laterais, que têm características ofensivas, e Casemiro, que adora jogar aparecer perto da área, ocupavam todos a mesma faixa de campo e o time não se movimentava.

Chances na etapa inicial foram apenas duas, nos primeiros 15 minutos. Numa, Maicon tentou de fora da área e Edson Bastos espalmou. Em outra, Casemiro tabelou com Willian José e chutou muito bem, para defesa difícil do goleiro. No rebote, com o gol vazio, o volante isolou.

Depois disso, a Ponte Preta cresceu e passou a ameaçar, trabalhando a posse de bola no campo de ataque. No finalzinho do primeiro tempo foram duas ótimas chances. Roger tentou mesmo sem ângulo e Denis teve que operar milagre. Pouco depois, João Paulo cruzou, o centroavante não fez e Edson Silva tirou em cima da linha.

Vendo que o São Paulo passava apuros, Ney Franco resolveu mexer no intervalo. Tirou Henrique Miranda, que jogava bem, e colocou Ademilson. Com isso, o time passou ao 3-5-2, Casemiro virou zagueiro e Cícero foi para a ala esquerda. A mudança deixou o jogo mais aberto e muito mais agradável.

O problema é que a zaga tricolor ficou frágil e a Ponte é que chegava com maior frequência. Aos 9 minutos, Roger chutou cruzado e acertou o pé da trave esquerda de Denis. Nikão e Rildo também assustaram e mandar bolas rente ao poste.

Cumprindo o programado, Ganso saiu aos 12, depois de atuar por 57 minutos. No lugar dele, entrou Cañete, que voltava depois de mais de um ano afastado por lesão. Mas o argentino, sem ritmo de jogo, praticamente não participou da partida. Para piorar, o time ficou ainda mais confuso quando Ney Franco tirou Willian José e colocou Lucas Farias. O garoto da base, lateral-direito, foi para a ala esquerda e Cícero para o ataque.

A Ponte continuava melhor e Roger não dava sossego à zaga tricolor. Aos 29, ele tabelou com Uendel, recebeu na área e chutou cruzado. A bola passou tirando tinta da trave. O São Paulo teve uma chance apenas, com Douglas, que foi fominha, não passou a Ademilson, melhor posicionado e sem marcação, e acabou facilitando a defesa de Edson Bastos.

PONTE PRETA 0 X 0 SÃO PAULO

PONTE PRETA - Édson Bastos; Cicinho, Ferron, Cléber e João Paulo; Baraka, Renê Júnior, Nikão (Uendel) e Wendel; Rildo (Rossi) e Roger (Giancarlo). Técnico - Guto Ferreira.

SÃO PAULO - Denis; Douglas, João Filipe, Edson Silva e Henrique Miranda (Ademilson); Paulo Assunção, Casemiro, Maicon, Paulo Henrique Ganso (Cañete) e Cícero; William José (Lucas Farias). Técnico - Ney Franco.

ÁRBITRO - Luis Flávio de Oliveira (SP).

CARTÃO AMARELO - Paulo Assunção.

RENDA E PÚBLICO - R$ 172.038,00/ 9.471 pagantes

LOCAL - Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP).

_____________________________________________________________

Acompanhe os principais lances do jogo:

48min - Termina o jogo!

44min - O árbitro assinala três minutos de acréscimo.

43min - Cicinho tenta mais uma jogada pela esquerda, leva a melhor sobre Maicon e cruza na área, mas Denis defende com facilidade.

39min - Assim como Paulo Henrique Ganso, a quem substituiu, o argentino Cañete também não conseguiu se encontrar em campo. Ele vem buscando o jogo, mas tem uma atuação regular em sua primeira partida após um ano sem atuar.

34min - Bastante aplaudido pela torcida, o atacante Roger deixa o campo com dores musculares e dá lugar ao também avante Giancarlo.

31min - Troca na Ponte Preta. Sai Rildo e entra o também atacante Rossi.

29min - Uendel encontra Roger dentro da área, Denis sai em cima do atacante e ele chuta cruzado, mas a bola sai rente à trave esquerda do São Paulo.

28min - Mudança no São Paulo. O lateral-direito Lucas Farias entra no lugar de Willian José. É a estreia do garoto de 17 anos no time profissional.

26min - Roger tenta dentro da área e a bola bate na rede pelo lado de fora.

23min - Cicinho cruza da esquerda e Roger tenta de voleio, mas a bola sobe e sai pela linha de fundo.

22min - Mudança na Ponte Preta. Entra o volante Uendel no lugar do meia Nikão.

20min - O São Paulo mudou o esquema de jogo para que os alas chegassem ao ataque, mas o time não criou nada pelos lados do campo. Jogo fica embolado no meio-campo.

15min - Cicinho cruza na área e Rildo desvia e quase marca. A bola passou mais uma vez, perto da trave esquerda de Denis.

14min - Na intermediária, Nikão bate falta com perigo e a bola sai perto da trave esquerda são-paulina.

14min - Douglas encontra Ademilson na entrada da área, o atacante chuta cruzado e a bola passa rente à trave direita de Edson Bastos.

12min - Paulo Henrique Ganso deixa o jogo para a entrada do meia argentino Cañete, que não atua há mais de um ano.

9min - Na trave! Rildo faz boa jogada pela esquerda e rola para Roger. O atacante bate bem e acerta a trave esquerda de Denis.

7min - Nikão lança Cicinho dentro da área e o meia é derrubado por João Felipe, mas o árbitro manda o jogo seguir. 

4min - João Paulo arrisca de longe a bola sai por cima do gol de Denis.

1min - Começa a segunda etapa. O São Paulo volta com o atacante Ademilson no lugar do lateral-esquerdo Henrique Miranda. Com a troca, o volante Casemiro vira zagueiro, Cícero vai para a ala esquerda e o time passa a jogar no esquema 3-5-2.

SEGUNDO TEMPO

46min - Apita o juiz. Final do primeiro tempo, no Moisés Lucarelli.

44min - O árbitro Luiz Flávio Oliveira assinala um minuto de acréscimo.

42min - Paulo Assunção derruba Cléber na ponta esquerda e recebe o cartão amarelo. É o terceiro do volante, que não poderá enfrentar o Corinthians, na última rodada.

40min - Ponte pressiona o São Paulo.

37min - Quase o gol da Ponte. Roger recebe dentro da área, gira o corpo e chuta cruzado. Com a mão esquerda, Denis desvia a bola e ela sai pela linha de fundo, passando rente à trave esquerda.

34min - Rildo acerta uma bomba de fora da área e a bola passa rente à trave esquerda de Denis.

32min - Nikão cruza da esquerda e Cicinho cabeceia para a área, onde Roger estava livre, mas Denis consegue fazer a defesa e evita o perigo.

27min - Ganso invade a área pela esquerda e tenta por cobertura, mas o chute sai fraco e Edson Bastos segura a bola com tranquilidade.

25min -  Wendel Santos dispara pela esquerda e é derrubado por Henrique Miranda, mas o árbitra manda o jogo seguir.

21min - Em sua primeira partida como titular do São Paulo, Paulo Henrique Ganso vem encontrando dificuldade na criação. Ele está sendo bem marcado pela Ponte.

19min - Após cobrança de escanteio, Ferron testa bem para o gol e Denis faz defesa segura.

14min - Casemiro tabela com Willian José e recebe na entrada da área. O volante chuta no canto direito, mas Edson Bastos espalma. No rebote, Casemiro tenta de novo, e desta vez finaliza pela linha de fundo.

12min - Cícero também tenta um chute de longe. A bola sai forte, no entanto, Edson Bastos defende sem problemas.

10min - Roger domina de costas, vira o corpo e bate ao gol para fácil defesa de Denis.

9min - Maicon recebe na entrada da área e chuta forte, mas Edson Bastos espalma para escanteio.

7min - Jogo truncado. Os dois times encontram dificuldades para furar a retaguarda adversária.

3min - Com o meio de campo congestionado de jogadores, o São Paulo tenta se organizar em campo para começar a criar jogadas ofensivas. A Ponte está bem postada na defesa.

1min - Começa a partida, em Campinas!

PRIMEIRO TEMPO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.