Com gol de Chicão, Fla arranca empate com Goiás fora

Com o resultado, times estão na parte intermediária da tabela com 18 pontos

RUBENS SANTOS, Agência Estado

15 de agosto de 2013 | 00h09

GOIÂNIA - Com gol salvador do estreante Chicão, o Flamengo arrancou o empate por 1 a 1 com o Goiás, na noite desta quarta-feira, no Serra Dourada, em Goiânia. O zagueiro balançou as redes em bela cobrança de falta no segundo tempo e evitou o tropeço do time carioca.

O empate deixou o Flamengo com 18 pontos, no meio da tabela do Brasileirão, ainda sem conseguir vencer duas partidas seguidas. O Goiás exibe situação semelhante. Tem os mesmos 18 pontos e ocupa a parte intermediária da classificação.

Contando com boa torcida no Serra Dourada, o time de Mano Menezes não soube aproveitar o apoio no primeiro tempo. E teve dificuldade para sair para o jogo e ameaçar a defesa dos anfitriões.

Acabou aceitando a pressão do Goiás, que abriu o placar aos 14 minutos. Tartá desceu pela direita, superou o marcador, cruzou para Walter que emendou de primeira. O atacante, que vive uma boa fase, acertou o ângulo esquerdo de Felipe e marcou seu quinto gol neste Brasileirão.

Assustado com o gol do rival, o Flamengo acordou no segundo tempo e partiu para cima da defesa goiana. Logo aos 5 minutos, Chicão cobrou falta da meia-lua, acertou o canto esquerdo de Renan e premiou sua estreia no time carioca com um belo gol.

"Estou bastante feliz, não pelo gol mas pelo desempenho em campo e porque o grupo me deixou à vontade", disse o ex-corintiano, após o jogo.

O empate, porém, acomodou as duas equipes. O jogo ficou truncado e lento no decorrer do segundo tempo. E os dois times não conseguiram alterar o placar até o apito final.

Na próxima rodada, o Goiás enfrentará a Ponte Preta, domingo, no Moisés Lucarelli, em Campinas. O Flamengo vai receber o São Paulo no mesmo dia no Estádio Mané Garrincha, em Brasília.

FICHA TÉCNICA:

GOIÁS 1 x 1 FLAMENGO

GOIÁS - Renan; Vitor, Rodrigo, Ernando e Eron; Amaral, David, Renan Oliveira (Erik), Tartá (Dudu Cearense) e Paulo (Ramon); Walter. Técnico: Enderson Moreira.

FLAMENGO - Felipe; Léo Moura (Luiz Antonio Holande), Chicão, Wallace e João Paulo; Cáceres, Elias, André Santos, Gabriel (Paulinho); Nixon (Rafinha) e Hernane. Técnico: Mano Menezes.

GOLS - Walter, aos 14 minutos do primeiro tempo. Chicão, aos 5 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Jaílson Macedo Freitas (BA).

CARTÕES AMARELOS - Ernane e David (GOI).

RENDA - R$ 779.400,00.

PÚBLICO - 32.049 pagantes.

LOCAL - Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoGoiásFlamengo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.