Ben Stansall/ EFE
Ben Stansall/ EFE

Com gol de Thiago Silva, Chelsea goleia Sheffield United e fica próximo dos líderes no Inglês

Equipe construiu o placar de 4 a 1 em casa e torce para permanecer entre os primeiros colocados ao fim da rodada

Redação, Estadão Conteúdo

07 de novembro de 2020 | 18h12

De virada, o Chelsea goleou o Sheffield United em casa por 4 a 1, neste sábado, pela oitava rodada do Campeonato Inglês. Depois do susto inicial de McGoldrick, os londrinos mostraram poder de reação para buscar o resultado com gols de Abraham, Chilwell, Thiago Silva e Werner. Ziyech não balançou a rede, mas foi o grande nome do jogo. O marroquino deu duas assistências e comandou as ações ofensivas do time azul.

Com a vitória sobre o lanterna, a equipe do técnico Frank Lampard - que começou a rodada em sétimo lugar - chegou a 15 pontos e subiu para terceiro no Campeonato Inglês. Neste domingo, porém, o Chelsea perderá ao menos uma posição, já que Leicester City (4.º com 15 pontos) e Wolverhampton (8.º com 13) se enfrentam. O Tottenham, quinto colocado com 14, também pode ultrapassar o rival de Londres.

Ainda sem vencer no campeonato, com apenas um ponto, o Sheffield United surpreendeu ao abrir o placar logo aos nove minutos. Em jogada bem trabalhada pela direita, Sander Berge recebeu cruzamento rasteiro e chutou, mas McGoldrick precisou desviar na pequena área para superar o goleiro Mendy. A defesa do Chelsea voltou a sofrer um gol depois de cinco partidas em branco, a melhor marca desde 2010.

Apesar do susto, os mandantes não tiveram muitas dificuldades para traduzir a superioridade em vantagem no placar. Lançado por Ziyech, Kovacic chegou a fundo e achou Abraham na área. O atacante inglês bateu mascado, mas foi o suficiente para deixar tudo igual, aos 23 minutos.

A virada não demoraria a sair. Ziyech voltou a aparecer aos 34 minutos, quando achou Chilwell na segunda trave, em cruzamento que o lateral-esquerdo completou para dentro. Dono da partida, com posse de bola na casa dos 70%, o Chelsea foi para o vestiário com a sensação de que a vantagem poderia ser maior.

Principal responsável pela boa fase defensiva da equipe, Thiago Silva voltou a ter atuação segura, com antecipações que impediam maiores problemas em contra-ataques do Sheffield United. Com a faixa de capitão no braço, o brasileiro acabou recompensado com seu primeiro gol pelo novo clube. Já aos 32 minutos, em outro cruzamento de Ziyech, ele se antecipou ao goleiro Ramsdale e desviou de cabeça para aproximar o Chelsea da vitória.

O terceiro gol derrubou o lanterna, que começou a ceder muitos espaços. Três minutos depois, Timo Werner apareceu sozinho na área para dar números finais à partida. Artilheiro do time de Londres, o alemão marcou o seu oitavo tento na temporada - quatro no Campeonato Inglês.

Também neste sábado, e também por 4 a 1, o Crystal Palace goleou o Leeds United em casa. Dann, Eze, Hélder Costa (contra) e Jordan Ayew marcaram para os mandantes e Bamford descontou para os recém-promovidos. O clube de Londres ocupa a sétima colocação e o Leeds, que sofreu a segunda goleada consecutiva, está em 14.º.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.