Sascha Steinbach/EFE
Sascha Steinbach/EFE

Com gol e bela atuação de brasileiro, Mönchengladbach vence Schalke 04 no Alemão

Atacante Raffael marca o último gol do time da casa na partida, levando o Borussia à oitava colocação

Estadão Conteudo

04 de março de 2017 | 17h42

Com um gol do brasileiro Raffael, que ainda participou com destaque de grande jogada que resultou em outro, o Borussia Mönchengladbach venceu o Schalke 04 por 4 a 2, em casa, no último jogo deste sábado pela 23ª rodada do Campeonato Alemão. Fabián Johnson, duas vezes, e Wendt marcaram os outros gols. Bentaleb e Goretzka balançaram as redes para os visitantes.

A vitória levou o Mönchengladbach para a oitava colocação, com 32 pontos. O Schalke é o 13º, com 27. As equipes agora voltam a campo pelo Alemão no domingo do dia 12. O Schalke 04 tentará a reabilitação em casa, contra o Augsburg. O Mönchengladbach visitará o Hamburgo.

O Bayern de Munique, mais cedo, venceu o Colônia por 3 a 0 e lidera a competição com 56 pontos. Voltará a campo pelo Alemão no sábado, contra o Eintracht Frankfurt, em casa. Antes, na terça-feira, visitará o Arsenal no jogo de volta da Liga dos Campeões. Na primeira partida, os alemães golearam por 5 a 1.

Depois de um primeiro tempo equilibrado e que terminou empatado por 1 a 1, com gol de Fabian Johnson para os anfitriões e Bentaleb para os visitantes, o Mönchengladbach voltou inspirado para a etapa final e, em 12 minutos, marcou três vezes para garantir o triunfo.

Aos 19, o Borussia voltou a ficar na frente do marcador novamente com Fabian Johnson, por meio da jogada mais bonita da partida. Após passar por dois marcadores com belos dribles, Raffael deu ótima enfiada de bola na trama ofensiva na qual em seguida Fabian Johnson fez lindo passe de calcanhar e recebeu a bola de volta para finalizar para as redes.

Dois minutos mais tarde, Oscar Wendt ampliou o marcador. E, aos 31, o brasileiro Raffael recebeu de Strobl na área e bateu forte para garantir o triunfo e coroar a sua grande atuação. O Schalke ainda descontou aos 42 com Goretzka, de cabeça, mas não houve mais tempo para reação.

Tudo o que sabemos sobre:
Futebol Internacionalfutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.