Jeff Pachoud/AFP
Jeff Pachoud/AFP

Com gol no fim, Lyon derrota o PSG e reduz vantagem para oito pontos no Francês

Daniel Alves é expulso e Depay garante a vitória com belo chute nos acréscimos

Estadão Conteúdo

21 de janeiro de 2018 | 20h58

Sem Neymar, o Paris Saint-Germain conheceu a sua segunda derrota no Campeonato Francês neste domingo, quando foi derrotado pelo Lyon por 2 a 1. O jogo, válido pela 22.ª rodada, contou com três belos gols, expulsão do brasileiro Daniel Alves, lesão de Mbappé e foi decidido em favor do time da casa nos acréscimos do segundo tempo.

+ Confira a tabela de classificação do Campeonato Francês

O Lyon se tornou apenas o segundo time que conseguiu derrubar o Paris Saint-Germain no Campeonato Francês. O primeiro foi o modesto Strasbourg, que derrotou o time de Neymar e companhia por 2 a 1, em duelo da 16.ª rodada, no início de dezembro do ano passado.

A vitória deixa o campeonato aberto e faz com que a diferença do Lyon, que tem 48 pontos e assumiu a vice-liderança, caia para oito em relação ao líder Paris Saint-Germain. O Olympique de Marselha, que venceu o Caen na última sexta-feira, e o Monaco, que derrotou o Metz neste domingo com gol do lateral-esquerdo brasileiro Jorge (ex-Flamengo), vêm na sequência, com 47 e 46 pontos, e também seguem sonhando com o título.

O time do técnico português Bruno Genésio levou a melhor com dois belos gols, um no primeiro minuto de jogo, marcado pelo francês Fekir, e o outro, no último minuto, que saiu dos pés do holandês Memphis Depay.

Os mais de 50 mil torcedores presentes para assistir à partida em Lyon não se decepcionaram com o que viram. A começar pelo golaço de Fekir, que viu o goleiro Aréola adiantado e surpreendeu ao mandar um belo chute direto para o gol em vez de cruzar.

Com poderio ofensivo invejável, mesmo sem Neymar, o Paris Saint-Germain saiu para o jogo e teve boas chances de empatar a partida, especialmente com Cavani. Na melhor delas, o uruguaio desviou cruzamento de peixinho, mas parou no goleiro Anthony Lopes.

Para estar à altura do clássico e dar mais brilho à partida, o lateral-esquerdo Kurzawa "imitou" Fekir e empatou a partida com outro golaço no último lance do primeiro tempo. Ele recebeu cruzamento na medida de Daniel Alves, ajeitou o corpo e acertou um sem pulo espetacular, que ainda bateu no travessão antes de entrar.

Em busca da virada, o Paris Saint-Germain voltou bem melhor para a segunda etapa e dominou amplamente o Lyon nos primeiros minutos. Daniel Alves, porém, foi expulso depois de fazer falta dura em Ndombèlé e partir para cima do árbitro e deixou a partida equilibrada novamente.

Mesmo com um a mais, o Lyon não era capaz de sufocar o time do técnico Unaí Emery e dava a impressão de que não conseguiria desempatar a partida. Ledo engano. No último lance da partida, dando mais emoção à partida, Memphis Depay cortou para o meio e acertou um belo chute no canto superior direito de Aréola para dar os três pontos ao Lyon.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.