Flickr/Vitória EC
Flickr/Vitória EC

Com gol no final, Vitória vira e vence a primeira na Série B

Ruan Potó marcou os dois gols do time na primeira vitória em três meses do time alvinegro

Redação, Estadao Conteudo

04 de maio de 2019 | 19h10

Com gol no final da partida, o Vitória arrancou seu primeiro trunfo na Série B do Campeonato Brasileiro. De virada, o time baiano derrotou o Vila Nova, por 2 a 1, na tarde deste sábado, no Barradão, em Salvador, pela segunda rodada. Neto Moura e Ruan Potó, duas vezes, anotaram os gols da partida. Foi a primeira vitória em três meses do time alvinegro.

Formado nas categorias de base do Vitória, Ruan Potó foi o herói da partida com dois gols, em momentos decisivos da partida. Ele colocou os baianos em nono lugar na Série B com três pontos. O Vila Nova, por sua vez, segue sem vencer, em 13º, com apenas um ponto.

Em busca da vitória no início da Série B, Vitória e Vila Nova fizeram um primeiro tempo movimentado. Com mais toque de bola, o time visitante teve a chance inicial aos 14 minutos em chute de fora da área de Hélder, que obrigou Caíque a mandar para escanteio. Em seguida, aos 21, os goianos abriram o placar. Depois de cruzamento de Jeferson, Neto Moura completou para o fundo das redes.

Pressionado pela torcida, que começou a vaiar, o Vitória foi para cima em busca da reação. Andrigo tentou tirar o time de trás em finalização de longe. Rafael Santos teve que cair para fazer a defesa. Aos 25 minutos, o goleiro do Vila Nova não pode fazer nada para evitar o empate. Ruan Levine passou fácil pela marcação no lado direito e finalizou cruzado. A bola desviou no meio do caminho e morreu no fundo das redes.

Antes do intervalo, os times voltaram a trocar ataques perigosos. Pelo lado dos visitantes, Phillipe Maia teve a chance depois de desviou de Alan Mineiro dentro da área, mas mandou para fora. Depois foi a vez de Neto Baiano, que obrigou Rafael Santos a fazer grande defesa.

Novidade para o segundo tempo, Bruno Mota veio a campo para obrigar o goleiro Caíque a trabalhar em cabeçada logo em seu primeiro toque na bola. O Vila tentou manter a pegada em busca do gol, mas o Vitória logo conseguiu equilibrar as ações. Desta forma, a partida teve mais briga por espaço que lance de gol.

Mais organizado, o Vila conseguiu encontrar espaço para chegar ao gol adversário usando o lado direito. Jefferson recebeu em velocidade e tocou por cima, na saída do goleiro, mas errou o alvo por pouco. O goleiro Caíque saiu pagando geral para a defesa após o lance.

Novamente pressionado pela torcida, o Vitória foi buscar o gol decisivo aos 44 minutos. Felipe Garcia recuperou a bola dentro da área e rolou para Ruan Potó, que finalizou mascado, vencendo Rafael Santos.

O Vila Nova volta a campo contra a Ponte Preta, na próxima sexta-feira, às 21h30, no Serra Dourada, em Goiânia. O Vitória descansa mais tempo e joga apenas na segunda-feira (13) contra o Guarani, às 20 horas, no Brinco de Ouro, em Campinas.

FICHA TÉCNICA

VITÓRIA 2 x 1 VILA NOVA

VITÓRIA - Caíque; Matheus Rocha, Victor Ramos, Everton Sena e Capa; Leó Gomes, Rodrigo Andrade (Gabriel Silva) e Andrgo (Nickson); Ruan Potó, Neto Baiano e Caíque Silvio (Felipe Garcia). Técnico: Cláudio Tencati.

VILA NOVA - Rafael Santos; Jeferson, Patrick, Philipe Maia e Hélder; Joseph, Ramon, Neto Moura (Bruno Mota) e Alan Mineiro (Denner); Boné e Capixaba (Gustavo Silva). Técnico: Eduardo Baptista.

GOLS - Neto Moura, aos 21, e Ruan Potó, aos 25 minutos do primeiro tempo. Ruan Potó, aos 44 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Léo Gomes, Capa, Caíque Silvio, Nickson, Ruan Potó e Neto Baiano (Vitória); Joseph e Patrick (Vila Nova).

ÁRBITRO - Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza (PB).

RENDA e PÚBLICO - Não divulgados.

LOCAL - Estádio Barradão, em Salvador (BA).

Notícias relacionadas

    Encontrou algum erro? Entre em contato

    Tendências:

    O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.