Divulgação
Divulgação

Com gol nos acréscimos, Avaí derrota o Goiás por 1 a 0

Rômulo garante o triunfo catarinense no Serra Dourada aos 48

RUBENS SANTOS, Estadão Conteúdo

07 de junho de 2015 | 22h02

Com um gol nos acréscimos da partida, o Avaí derrotou o Goiás por 1 a 0, neste domingo, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, no duelo que teve o menor público do Campeonato Brasileiro. Pouco mais de mil pagantes viram, antes da partida, a diretoria do Goiás homenagear o atacante Fernandão, ídolo do clube, morto após acidente de helicóptero há um ano.

Em campo, pela sexta rodada da competição, as duas equipes buscavam se recuperar das derrotas sofridas no meio de semana. O Goiás entrou com uma postura mais ofensiva, com três atacantes, e pressionou o Avaí, que jogava fechado.

A primeira boa chance para o time esmeraldino abrir o marcador aconteceu aos 11 minutos. Bruno Henrique avançou, envolveu a zaga e bateu com perigo. O time catarinense respondeu no minuto seguinte, mas Pablo chutou sobre o travessão de Renan. Aos 38, Bruno Henrique voltou a assustar a equipe visitante e chutou novamente para fora.

Na etapa final, o Goiás voltou mais atento. Aos 17 minutos, após cobrança de escanteio, Wesley subiu sem marcação, mas cabeceou fraco e facilitou a defesa de Vágner. O Avaí praticamente não criou chances de gol no decorrer da partida. Quando o duelo caminhava para um 0 a 0 sem graça, o time catarinense encaixou um contra-ataque. Aos 48, Rômulo recebeu belo passe de Anderson Lopes e bateu de bico cruzado para garantir a vitória.

Na próxima rodada, o Goiás enfrentará a Ponte Preta, no domingo, às 11 horas, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP). No mesmo dia, o Avaí terá o clássico contra o Figueirense, às 16 horas, no estádio da Ressacada, em Florianópolis.

FICHA TÉCNICA

GOIÁS 0 x 1 AVAÍ

GOIÁS - Renan; Everton, Felipe Macedo, Alex Alves e Diogo Barbosa; Rodrigo, Patrick e Felipe Menezes (Arthur); Carlos (Lucas Coelho), Bruno Henrique, Wesley (Jarlan). Técnico: Hélio dos Anjos.

AVAÍ - Vágner; Jéci, Antonio Carlos (Lucas Coelho) e Emerson; Nino Paraíba, Renan, Eduardo Neto (Adriano), Pablo (Rômulo), Renan Oliveira (Dener) e Romário; Guilherme; Anderson Lopes. Técnico: Gilson Kleina.

GOL - Rômulo, aos 48 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Alex Alves e Jarlan (Goiás); Antônio Carlos, Eduardo Neto, Jéci e Jarlan (Avaí).

ÁRBITRO - Alison Sidnei Furtado (TO).

RENDA - R$ 25.840,00.

PÚBLICO - 1.105 pagantes.

LOCAL - Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoGoiásAvaí

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.