Will Oliver/EFE
Will Oliver/EFE

Com golaço de Sturridge no fim, Liverpool empata com o Chelsea em Londres

Ao se salvar da derrota no fim, time comandado por Jürgen Klopp passou a somar 19 pontos, mas caiu para a vice-liderança

O Estado de S.Paulo

29 Setembro 2018 | 16h57

Graças a um golaço marcado por Daniel Sturridge aos 44 minutos do segundo tempo, o Liverpool garantiu um empate por 1 a 1 com o Chelsea, neste sábado, em um grande jogo no estádio Stamford Bridge, em Londres, pela sétima rodada do Campeonato Inglês.

Ao se salvar da derrota no fim, o time comandado pelo técnico Jürgen Klopp passou a somar 19 pontos, mas caiu para a vice-liderança, pois está em desvantagem nos critérios de desempate em relação ao Manchester City, novo líder da competição e dono de um melhor saldo de gols. Horas mais cedo, o time dirigido por Pep Guardiola alcançou a mesma pontuação ao derrotar o Brighton por 2 a 0, fora de casa.

Já Chelsea segue na terceira colocação, com 17 pontos, e viu os rivais londrinos Tottenham e Arsenal, respectivos quarto e quinto colocados, ambos com 15 pontos, se aproximarem na tabela com triunfos conquistados em outras partidas do dia.

Em um duelo recheado de emoções, o Chelsea abriu o placar logo na primeira etapa, com o belga Eden Hazard, aos 25 minutos do primeiro tempo. E o triunfo parecia certo para os donos da casa, mas Sturridge, que acabara de entrar no lugar de James Milner, acabou sendo decisivo para salvar o Liverpool.

O atacante recebeu a bola pelo lado esquerdo e arriscou belo chute colocado de fora da área. A bola fez uma grande curva e acabou encontrando o ângulo esquerdo do goleiro Kepa Arrizabalaga, que não conseguiu alcançá-la após a ótima finalização.

Salah ficou foi autor das melhores chances ofensivas criadas pelo time visitante no começo do jogo, mas não mostrou o grande rendimento da última temporada europeia e acabou substituído por Shaqiri no segundo tempo.

Entre os brasileiros, David Luiz teve atuação segura, enquanto Alisson se destacou pelo Liverpool com duas defesas importantes em chutes do compatriota Willian e de Hazard. Firmino, por sua vez, passou perto de empatar o jogo no segundo tempo para os visitantes. Já Fabinho não saiu do banco do Chelsea.

Na próxima rodada, no dia 7 de outubro, o Chelsea encara o Southampton, às 10h15 (de Brasília), no St Mary’s Stadium. Já o Liverpool recebe o Manchester City, no Anfield Road, às 12h30 (de Brasília), também no dia 7.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.