EFE
EFE

Com golaços de Depay, United vence Brugge na Liga dos Campeões

Time inglês faz 3 a 1 e tem boa vantagem na partida de volta

Estadão Conteúdo

18 de agosto de 2015 | 18h13

O Manchester United levou um susto, mas conseguiu vencer o Brugge de virada, por 3 a 1, nesta terça-feira, em casa, no jogo de ida dos playoffs da Liga dos Campeões. A equipe inglesa agora pode até perder por um gol de diferença na próxima quarta-feira, na Bélgica, que garantirá vaga na fase de grupos da competição.

O destaque da partida foi o atacante holandês Memphis Depay, que marcou dois golaços, o de empate e o da virada do Manchester. Carrick, contra, havia aberto o placar para o time adversário. O belga Fellaini, que entrou no segundo tempo, garantiu a vitória nos acréscimos. O time inglês agora volta as suas atenções para o Campeonato Inglês, pois no sábado recebe o Newcastle e tentará manter os 100% de aproveitamento após duas rodadas.

No duelo desta terça-feira, o Brugge surpreendeu e abriu o placar logo aos 8 minutos da primeira etapa. Víctor Vázquez cruzou para a área, Carrick tentou cortar, mas mandou de canela contra o próprio gol. Mas foi só um susto. Cinco minutos depois, Depay recebeu na esquerda, aplicou um chapéu no seu marcador, invadiu a área e mandou uma bomba para deixar tudo igual. Inspirado, o atacante belga marcou mais uma vez aos 43 minutos. Ele recebeu na entrada da área, se livrou da marcação e bateu colocado.

Na segunda etapa, o técnico Louis van Gaal colocou em campo uma das principais contratações da temporada, o alemão Schweinsteiger, e também o belga Fellaini para tentar abrir vantagem. Mas o terceiro gol só foi sair aos 48 minutos. Depay cruzou e Fellaini desviou de cabeça para fechar o placar.

Nos outros duelos desta terça-feira, a Lazio venceu o Bayer Leverkusen por 1 a 0, em casa. Diao Keita marcou o único gol da partida. Em Lisboa, o Sporting derrotou o CSKA por 2 a 1, com gols de Téo Gutierrez e Slimani. Doumbia descontou. O Bate Borisov venceu o Partizan por 1 a 0, em casa, com gol de Gordeychuk e também ficou em vantagem nos playoffs. Também por 1 a 0, o Astana, do Casaquistão, passou pelo Apoel em casa. Os quatro jogos de volta acontecem na quarta-feira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.