Miguel Riopa/AFP
Miguel Riopa/AFP

Com gols brasileiros, Real Madrid garante a liderança do Espanhol

Laterais Danilo e Marcelo marcam em vitória sobre o Celta

Estadão Conteúdo

24 de outubro de 2015 | 14h13

Em um duelo direto pela liderança do Campeonato Espanhol, o Real Madrid superou o Celta pelo placar de 3 a 1, neste sábado, fora de casa, e sustentou a primeira colocação da tabela. Os laterais brasileiros Danilo e Marcelo foram os destaques da partida, com um gol cada, ao lado do goleiro Keylor Navas, que voltou a fazer "milagres" debaixo da trave madrilenha.

Os dois primeiros gols do Real foram marcados logo no início. Mas isso não significou vitória tranquila para o time da capital. O Real levou sufoco do adversário nos minutos finais da partida e suou para garantir os três pontos. Quando o Celta levava perigo, Marcelo decretou a vitória nos acréscimos.

Com o triunfo, o time dos laterais brasileiros chegou aos 21 pontos, abrindo três sobre o próprio Celta, atual vice-líder. Os dois times estavam igualados na pontuação, com vantagem do Real nos critérios de desempate.

O tropeço do Celta abriu caminho para o Barcelona assumir a segunda colocação no domingo. A equipe de Neymar e Daniel Alves também começou a rodada com 18 pontos e, se vencer o Eibar em casa, mantém a perseguição ao arquirrival e esquenta a briga pela ponta da tabela.

Mesmo jogando fora de casa, o Real Madrid começou em cima neste sábado. Cristiano Ronaldo tabelou com Lucas Vázquez e abriu o placar logo aos 8 minutos. Surpreendido, o Celta viu Danilo disparar pela direita e fazer jogada com Jesé antes de anotar o segundo do Real, que contou novamente com Casemiro entre os titulares.

Sem se abater com os gols do rival, o Celta buscou o ataque e deu trabalho para Navas. O goleiro fez três grandes defesas antes do intervalo para assegurar a vantagem do Real no placar. Na etapa final, o time da casa caiu de rendimento, mas não deixou de levar perigo nos minutos finais. Aos 40, Nolito descontou para o Celta e até deu esperanças para a torcida.

No entanto, Marcelo aproveitou vacilo da defesa anfitriã, entrou na área e bateu cruzado para definir o jogo, nos acréscimos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.