Antonio Calanni/AP
Antonio Calanni/AP

Com gols brasileiros, Milan goleia em volta de Beckham

Ronaldinho Gaúcho e Thiago Silva abrem caminho para a vitória por 5 a 2; próximo rival é a Juventus

AE, Agencia Estado

06 de janeiro de 2010 | 20h02

O Milan contou com dois gols brasileiros para bater o Genoa por 5 a 2, nesta quarta-feira, no Estádio San Siro, em jogo marcado pela reestreia do meia Beckham. Ronaldinho Gaúcho, que chegou a perder um pênalti, mas converteu outro, e Thiago Silva abriram caminho para a goleada dos donos da casa.

A vitória deixou o time milanês novamente na segunda posição do Campeonato Italiano, com 34 pontos. Dessa forma, superou a Juventus, que havia assumido a vice-liderança, com 33, ao vencer o Parma ainda nesta quarta. A Inter de Milão lidera a tabela com boa vantagem - 42 pontos.

Motivado pela torcida e pelo retorno de Beckham - que entrou como titular, mas teve atuação discreta -, o Milan tomou a iniciativa do jogo e buscou o gol desde os primeiros instantes da partida. Aos 12 minutos, Massimo Ambrosini sofreu falta na área e o árbitro marcou pênalti. Mas, na cobrança, Ronaldinho Gaúcho bateu fraco no canto esquerdo e facilitou a defesa do goleiro Amelia.

Para piorar a decepção, o Genoa não vacilou e saiu na frente aos 25 minutos. Rodrigo Palacio levantou na pequena área e Giuseppe Sculli acertou a cabeça para mandar para as redes do goleiro Dida.

A reação veio justamente dos pés de Ronaldinho Gaúcho. Aos 30 minutos, Ambrosini sofreu novo pênalti. O brasileiro foi para a cobrança e empatou a partida com um chute forte no canto direito do goleiro. Seis minutos depois, Thiago Silva aproveitou bate-rebate na área e finalizou rasteiro para as redes.

No segundo tempo, Ronaldinho iniciou a jogada do terceiro gol dos anfitriões. Ele deu passe para Antonini rolar para Marco Borriello (entrou na vaga de Alexandre Pato, que sentiu uma lesão no aquecimento) chutar para o gol vazio, aos 4 minutos. Aos 16, o mesmo Borriello voltou à carga e marcou mais um. Em posição duvidosa, acertou um voleio e anotou o quarto.

VEJA TAMBÉM:
\"lista\" Italiano - Leia mais da competição
\"tabela\" Italiano - Tabela / Classificação

O quinto gol veio novamente em cobrança de pênalti. Dessa vez, Ronaldinho Gaúcho sofreu a falta, mas quem converteu a penalidade foi o holandês Huntelaar. Aos 34, o Genoa descontou com chute de canhota do atacante hondurenho David Suazo.

No final de semana, o Milan terá pela frente a Juventus, fora de casa, em uma briga direta pela segunda posição do campeonato. O Genoa receberá o Catania diante de sua torcida.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato ItalianoMilanGenoa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.