Carl Recine / Reuters
Carl Recine / Reuters

Com gols de Salah e Mané, Liverpool vence e segue disparado na ponta do Inglês

Equipe de Jürgen Klopp chega a 19 vitórias em 20 jogos na atual edição do torneio

Redação, Estadão Conteúdo

02 de janeiro de 2020 | 19h49

O Liverpool segue absoluto e imbatível no Campeonato Inglês. Nesta quinta-feira, na conclusão da 21ª rodada, o time não encontrou dificuldades diante do Sheffield United e o derrotou por 2 a 0, com gols de Salah e Mané, sendo um cada tempo do duelo disputado no Anfield Road.

O triunfo deixou o Liverpool com 58 pontos, fruto de 19 vitórias e um empate em 20 compromissos - o time ainda tem um duelo adiado a fazer e está com uma vantagem de 13 para o segundo colocado Leicester. Já o Sheffield, de volta à elite nesta temporada, parou nos 29 pontos com a derrota desta quinta, na oitava colocação.

A vitória em casa fará o Liverpool alcançar uma marca relevante nesta sexta-feira. Afinal, foi em 3 de janeiro de 2019 que o time sofreu sua última derrota no Campeonato Inglês, por 2 a 1, para o Manchester City. E o time só voltará a jogar pelo torneio no dia 11, contra o Tottenham, fora de casa - antes, no próximo domingo, terá pela frente o Everton, mas pela Copa da Inglaterra.

O Liverpool também tem se destacado nesta temporada pela força da sua defesa. É a menos vazada da competição - 14 gols. Não levou gols nos últimos cinco jogos no torneio, em série iniciada após a vitória por 5 a 2 sobre o Everton em 4 de dezembro.

Toda essa superioridade do Liverpool começou a ser imposta com facilidade após um erro da defesa do Sheffield. Logo aos três minutos, Baldock escorregou ao tentar interceptar um lançamento longo de Van Djik. A bola, então, sobrou livre para Robertson, que fez o cruzamento para Salah abrir o placar.

O Liverpool, que teve os brasileiros Firmino e Alisson como titulares, voltaria a marcar na etapa final. Aos 18 minutos, em contra-ataque, Mané recebeu passe de Robertson e acionou Salah, que devolveu com um passe na cara do gol. Ele até parou no goleiro Henderson na primeira tentativa, mas marcou na segunda tentativa, definindo o placar de 2 a 0 para os campeões mundiais.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.