Washington Alves/Cruzeiro
Washington Alves/Cruzeiro

Com gols no 2º tempo, Cruzeiro derrota o Tupi em casa na estreia do Mineiro

Equipe celeste começa o Estadual com vitória por 2 a 0, no Mineirão

Estadão Conteúdo

18 Janeiro 2018 | 00h10

O Cruzeiro teve uma estreia vitoriosa na temporada de 2018. Nesta quarta-feira, em um estádio do Mineirão quase lotado, o time celeste enfrentou o Tupi na estreia do Campeonato Mineiro, em Belo Horizonte, e venceu por 2 a 0. De volta ao clube após 13 anos, o centroavante Fred teve chances, mas não marcou e viu Robinho e Rafinha balançarem as redes no segundo tempo.

+ TABELA - Classificação do Campeonato Mineiro

Com o resultado positivo, o Cruzeiro larga na frente no Campeonato Mineiro junto com outras quatro equipes: América-MG, que bateu em casa o Patrocinense por 2 a 1; Tombense, que derrotou o Villa Nova por 1 a 0 como mandante; Caldense, que venceu o Democrata por 2 a 1, em Governador Valadares (MG); e URT, que ganhou do Uberlândia por 2 a 0 como visitante.

Pela segunda rodada da competição, neste sábado, o Cruzeiro visita a Caldense, às 21h30, no estádio Ronaldão, em Poços de Caldas (MG). Já o Tupi encara o Uberlândia, no mesmo dia, às 17 horas, no estádio Mário Helênio, em Juiz de Fora (MG).

Em campo, o Cruzeiro dominou a partida e pouco sofreu nas raras tentativas de contra-ataque do Tupi. Tanto que o goleiro Fábio pouco tocou na bola. No primeiro tempo, só faltou o gol. Fred teve a sua primeira oportunidade logo aos oito minutos, mas tocou fraco após cruzamento da esquerda e a bola foi para fora. Aos 34, o centroavante teve um gol anulado por impedimento.

Na segunda etapa, a sorte cruzeirense mudou e os gols saíram. Aos 8 minutos, em uma jogada bem trabalhada, o meia Robinho recebeu passe de Fred na entrada da área, chutou forte e abriu o placar. Pouco depois, aos 15, o time de Belo Horizonte ampliou. Henrique entrou livre na área, driblou o goleiro Ricardo Vilar e tocou para Rafinha, que mandou de letra para as redes.

Mesmo em desvantagem, o Tupi não conseguia articular qualquer jogada ofensiva e o Cruzeiro gastou o tempo para assegurar a primeira vitória na temporada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.