Com Guardiola, Bayern bate recordes históricos no Campeonato Alemão

Equipe está prestes a conquistar o 24.º título nacional - a terceira taça da temporada 2013/2014

Diego Salgado, O Estado de S. Paulo

25 de março de 2014 | 05h00

SÃO PAULO - Quando Guardiola assumiu o comando do Bayern de Munique, em junho do ano passado, parecia improvável que ele conseguisse repetir os recordes obtidos em sua gloriosa passagem pelo Barcelona, onde ganhou tudo e fez o elenco jogar por música. Nove meses depois, o técnico espanhol dá sua resposta aos incrédulos. Além de superar seus próprios números no time catalão, Guardiola tem aproveitamento melhor que o treinador antecessor, Jupp Heynckes.

Nesta terça-feira, o trabalho do técnico pode ser coroado com o título nacional, com antecipação. Para isso, será preciso vencer o Hertha Berlim fora de casa, em partida válida pela 27.ª rodada do Campeonato Alemão. Desde que chegou ao clube, Guardiola já faturou dois títulos: a Supercopa da Europa (contra o Chelsea) e o Mundial de Clubes da Fifa (diante do Raja Casablanca). Na Supercopa da Alemanha, porém, a equipe acabou derrotada pelo rival Borussia Dortmund (4 a 2).

No ano passado, o Bayern de Munique conquistou o Campeonato Alemão pela 23.ª vez ao bater o Eintracht Frankfurt na 28.ª rodada, a sete partidas do fim. Na ocasião, a equipe somava 23 vitórias, três empates e apenas uma derrota, com 88,9% de aproveitamento. Neste ano, com Guardiola no comando, o time pode ser campeão uma rodada antes. Além disso, o desempenho é superior ao da temporada anterior, com 94,9% de aproveitamento: 24 vitórias e dois empates, em 26 confrontos.

Contando todas as competições disputadas nesta temporada, o Bayern soma 42 jogos, com 36 vitórias, quatro empates e apenas duas derrotas. O aproveitamento é de 88,9%. No Barcelona, Guardiola esteve à frente do time em 247 oportunidades, com 179 triunfos, 47 empates e 21 derrotas, conquistando 78,8% dos pontos disputados até seu último dia de trabalho na catalunha. A equipe espanhola conquistou 13 títulos no período em que ele esteve no comando.

RECORDES

Com 74 pontos no Campeonato Alemão, o Bayern de Munique pode bater o recorde do ano passado, quando somou incríveis 91 pontos em 102 possíveis. Para superar a marca, que já é uma façanha, será preciso ganhar seis dos últimos oito jogos. Se isso ocorrer, o time será o campeão com o maior número de vitórias: 30 - em 2013 foram 29. Na ocasião, o Bayern ficou 25 pontos à frente do Borussia Dortmund, segundo colocado. A diferença no campeonato atual é de 23 pontos. O time deste ano soma 18 vitórias consecutivas no campeonato, quatro a mais em relação à temporada anterior.

Além disso, a equipe de Munique nunca chegou ao título de forma invicta. O melhor desempenho deu-se nas temporadas 1986/1987 e 2012/2013, com apenas um revés em cada campanha vitoriosa. Há ainda mais dois números a serem batidos: gols marcados e sofridos. O ataque do time tem 76 gols. O recorde é de 1971/1972, quando a linha de frente liderada por Gerd Müller marcou 101 vezes (no ano passado foram 98 gols). Já o time de 2007/2008 sofreu somente 13 gols. A defesa atual, por sua vez, foi vazada em 12 oportunidades.

Após a partida contra o Hertha Berlim, o Bayer enfrenta o Hoffenheim (casa), Augsburg (fora), Borussia Dortmund (casa), Eintracht Braunschweig (fora), Werder Bremen (casa), Hamburgo (fora) e Stuttgart (casa). Na Liga dos Campeões, o time, atual campeão, enfrenta o Manchester United por vaga na semifinal. O Bayern ainda encara o Kaiserslautern na Copa da Alemanha. O confronto vale passagem à final da competição.

ESTILO

Mais que os números, Guardiola consegue convencer seus jogadores de que é preciso ter a bola nos pés. Essa filosofia era válida na Espanha, mas também é agora na Alemanha. Seus times têm um meio de campo inteligente, de bom passe e jogadas rápidas. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.