Ivan Storti/Santos FC
Ivan Storti/Santos FC

Com ingressos esgotados, Santos aposta na Vila em jogo direto contra rebaixamento

Equipe do técnico Fábio Carille quer aproveitar o fator casa para subir posições na tabela do Brasileirão

Redação, O Estado de S.Paulo

23 de outubro de 2021 | 05h00

Sem vencer longe de seus domínios desde o dia 1º de agosto, o Santos aposta no fator casa para seguir lutando pela permanência na Série A do Campeonato Brasileiro. Neste sábado, às 17h, na Vila Belmiro, o time alvinegro tem pela frente o América Mineiro, adversário direto na luta contra o rebaixamento e também na briga por uma vaga na próxima edição da Copa Sul-Americana. O duelo é válido pela 28ª rodada.

Apesar de recuperar a confiança sob o comando de Fábio Carille, o Santos não tem conseguido engrenar e vem colecionando tropeços, os últimos longe da Vila Belmiro. Em Belo Horizonte, perdeu do líder Atlético-MG, por 3 a 1. Na Arena Pernambuco, ficou no empate sem gols contra o Sport, resultado que não agradou uma equipe que disputou a final da Copa Libertadores, no início do ano.

Se fora de casa o Santos não esboça reação, na Vila a situação é diferente. Para este sábado, a diretoria vendeu todos os ingressos disponíveis para o embate (8.014), equivalente à 50% da capacidade do modesto estádio, o que deu confiança aos jogadores para um duelo importantíssimo em termos de classificação.

“Agora, vamos ter um pouco a mais de torcida, né!? Se com 30% contra o Grêmio já foi aquela festa, imagina quando estiver com 100%! Agora, vão ser 50%, mas, mesmo assim, a Vila Belmiro é diferente quando tem torcida. O clima é diferente demais e tenho certeza de que eles vão nos apoiar do começo ao fim, como foi diante do Grêmio. E o resultado vai ser positivo se nós tivermos atitude e vontade de buscar a vitória desde o primeiro minuto”, disse o goleiro João Paulo.

Com uma lesão na panturrilha, o atacante Léo Baptistão, principal contratação do clube para o segundo semestre, deve perder o restante da temporada. Carille segue sem poder contar com o goleiro John, o volante Jobson, os zagueiros Kaiky e Luiz Felipe, além do atacante Kevin, todos vetados pelo departamento médico.

Além de problemas por lesão, o treinador não terá o zagueiro Wagner Leonardo, suspenso. Com isso, o técnico deve volta ao esquema de apenas dois zagueiros, com Velázquez e Danilo Boza. A principal dúvida do treinador é no ataque, entre Diego Tardelli e Raniel, que retornou recentemente ao time após superar um grave problema de saúde.

Há dois jogos sem vencer, o Santos ocupa a 15ª colocação, com 29 pontos. O primeiro time dentro da zona de rebaixamento é o Juventude, com 28.

ESTREIA DE TREINADOR

No futebol existe a mística de que time sempre ganha na estreia de um técnico. Contando com isso, o América-MG aposta na presença do técnico Marquinhos Santos para voltar a vencer no Brasileirão.

A troca na comissão técnica, porém, não aconteceu por causa da sequência de três jogos sem vitória. Vagner Mancini aceitou uma proposta do Grêmio na semana passada e deixou o clube mineiro, que se encontra na 13ª colocação, com 32 pontos.

Escolhido para ser o substituto de Mancini no mesmo dia em que deixou o Juventude, Marquinhos Santos comandou o seu primeiro treinamento na última quarta-feira e confia no conhecimento que tem do elenco para estrear com o pé direito.

"Vejo que o quanto mais rápido for e entendo que será rápida essa adaptação porque conheço muitos jogadores do elenco e tenho certeza que vai ser uma adaptação rápida", assegurou Marquinhos Santos.

O América-MG tem o retorno de uma peça importante. Desfalque nas últimas quatro partidas por conta de um estiramento na posterior da coxa direita, o atacante argentino Mauro Zárate voltou aos treinos nesta semana, foi relacionado e deve ser opção no banco de reservas.

FICHA TÉCNICA:

SANTOS x AMÉRICA-MG

SANTOS - João Paulo; Madson, Velázquez, Danilo Boza e Felipe Jonatan; Carlos Sánchez, Camacho e Vinícius Zanocelo; Marinho, Diego Tardelli (Raniel) e Lucas Braga. Técnico: Fábio Carille.

AMÉRICA-MG - Matheus Cavichioli; Patric, Eduardo Bauermann, Ricardo Silva e Marlon; Lucas Kal, Juninho e Alê; Felipe Azevedo, Ademir e Fabrício Daniel. Técnico: Marquinhos Santos. 

ÁRBITRO - Marcelo de Lima Henrique (RJ).

HORÁRIO - 17 horas.

LOCAL - Vila Belmiro, em Santos (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.