Com Jefferson ainda no hospital, Botafogo confirma ausência do goleiro em 2 jogos

Com Jefferson ainda no hospital, Botafogo confirma ausência do goleiro em 2 jogos

Jogador não poderá enfrentar Chapecoense e Internacional pelo Campeonato Brasileiro

Estadão Conteúdo

23 de julho de 2018 | 19h34

O Botafogo não poderá contar com o goleiro Jefferson em seus dois próximos compromissos no Campeonato Brasileiro, os duelos desta semana contra Chapecoense e Internacional. O gerente de futebol do clube, Anderson Barros, confirmou a ausência do jogador, que se lesionou durante o clássico de sábado contra o Flamengo, e segue em observação em um hospital do Rio.

+ Confira a tabela do Campeonato Brasileiro

"O Jefferson está fora do jogo de quinta-feira e de domingo. Quando dou essa previsão do Jefferson, por favor, é uma previsão do Anderson Barros. Mas é a tendência", afirmou o dirigente em entrevista coletiva.

Jefferson sofreu uma pequena fratura da cartilagem tireoide e edema de cordas vocais ao se chocar com Lucas Paquetá na jogada do segundo gol do Flamengo. "Acabou tendo uma fratura na cartilagem da traqueia e será submetido até o fim do dia a mais uma tomografia para que possamos ter mais certeza. Ele está bem, estive com ele no hospital e estamos acompanhando toda a sua situação. Os médicos entendem que esse dia a dia na clínica é muito importante", acrescentou o gerente de futebol.

Para piorar a situação do Botafogo, o goleiro Gatito Fernández ainda se recupera de contusão óssea e lesão ligamentar no punho direito. Nesta segunda-feira, porém, o time teve uma boa notícia, pois o paraguaio treinou no campo e utilizando luvas.

A tendência, porém, é de que Gatito não tenha condições de retornar ao time do Botafogo na quinta-feira, quando receberá a Chapecoense, no Engenhão, pela 15ª rodada do Brasileirão. Assim, o gol do time será ocupado por Saulo.

"O botafoguense tem dois grandes goleiros prontos, o Jefferson e o Gatito, mas o futebol tem dessas coisas. O Saulo também é um grande goleiro e entrou demonstrando muita segurança e qualidade. Se precisarmos entrar com ele no gol entraremos sem problemas. Claro que esperamos que o Gatito e o Jefferson se recuperem o quanto antes", afirmou Anderson Barros.

 

 

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBotafogoJefferson

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.