Bruno Cantini|Divulgação
Bruno Cantini|Divulgação

Com lesão muscular, Cazares desfalca o Atlético-MG por até três meses

Meia equatoriano pode voltar a jogar apenas em outubro

Estadão Conteúdo

12 de julho de 2016 | 19h24

O Atlético Mineiro vai ter um desfalque importante durante os próximos dois ou três meses. O meia Cazares, destaque da equipe no Campeonato Brasileiro até aqui, sofreu uma lesão muscular grave no adutor da coxa direita e pode voltar a jogar só em outubro.

"O Cazares, na preparação para o jogo contra o Flamengo, sentiu uma dor forte na região da virilha. Fez exame e confirmou uma ruptura no tendão adutor da coxa. Não é uma lesão simples. E não teremos o jogador de dois a três meses", explicou o médico do clube, Rodrigo Lasmar. O meia já nem enfrentou o Flamengo, domingo, no Mané Garrincha, sendo cortado na hora do jogo.

O médico comparou a lesão sofrida pelo meia equatoriano à que acometeu Ronaldinho Gáucho antes do Mundial de Clubes, em 2013, e garantiu que ela não foi causada por sobrecarga. Cazares disputou a Copa América Centenário e voltou para jogar o Brasileirão.

"Essa semana não teve jogo no meio da semana, houve folga, atividade leve na terça-feira. Todos os indícios eram absolutamente normais. Tudo isso vem mostrar que essa lesão não se encaixa dentro das lesões musculares por sobrecarga", defendeu-se. Nos sete jogos que o Atlético-MG fez sem Cazares no Brasileirão, não ganhou nenhum. Perdeu quatro e empatou três.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.