Lucas Uebel / Grêmio FBPA
Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Com Maicon, Grêmio recebe São Paulo para confirmar vaga direta na Libertadores

Volante volta ao time após ser poupado; Matheus Henrique e Diego Tardelli são os desfalques

Redação, Estadão Conteúdo

01 de dezembro de 2019 | 14h48

Com o retorno de Maicon, poupado do último jogo, o Grêmio recebe o São Paulo neste domingo, às 19 horas, em Porto Alegre, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro, para confirmar a vaga na fase de grupos da Copa Libertadores.

O time gaúcho tem 59 pontos e precisa de uma vitória neste domingo para cravar seu lugar na fase de grupos do torneio continental do qual é tricampeão e o qual disputou nos últimos quatro anos. O Grêmio tem 19 participações na Libertadores e é, ao lado do Palmeiras, o clube brasileiro que mais jogou a competição.

Maicon deve ser titular do Grêmio neste domingo. Ele volta a ficar à disposição, assim como o veterano Léo Moura, que também deve estar entre os 11 que iniciam a partida. A dupla desfalcou a equipe na derrota por 2 a 0 para o Athletico-PR.

Maicon está apto a jogar a reta final da temporada. No entanto, revelou que vem atuando com dores há algum tempo e disse que é provável que seja submetido a uma artroscopia no joelho esquerdo em janeiro, o que deve tirá-lo da pré-temporada do Grêmio.

Renato Gaúcho tem como baixas certas o volante Matheus Henrique e o atacante Diego Tardelli. O primeiro cumpre suspensão pelo terceiro cartão amarelo e o segundo por ter sido expulso contra o Athletico-PR. Em processo final de recuperação física, Jean Pyerre e Thaciano apenas correram ao redor do gramado no último treinamento e seguem fora de combate.

Na frente, sem Tardelli e com a instabilidade de André, a tendência é de que Renato opte por escalar Felipe Vizeu, que se recuperou de lesão há pouco tempo. Uma outra alternativa é usar o jovem Pepê, tido como o talismã da equipe, o que deixaria o time sem centroavante, mas mais rápido e móvel.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.