Com Miranda expulso, Torino vence e breca Inter na briga por Liga

Após cinco jogos sem vencer, o Torino bateu a Inter de Milão, em pleno estádio Giuseppe Meazza, por 2 a 1, neste domingo, pela 31.ª rodada do Campeonato Italiano. O resultado foi muito ruim para os donos da casa, que estão cada vez mais longe da briga por uma vaga na Liga dos Campeões da Europa na próxima temporada.

Estadão Conteúdo

03 de abril de 2016 | 19h57

Com a derrota, a Inter de Milão estacionou no quinto lugar com 55 pontos, oito atrás da Roma, que está na terceira posição, a última que leva ao maior torneio continental da Europa. Já o Torino foi a 36 pontos e saltou para a 12.ª colocação.

Em uma partida bastante equilibrada, a Inter de Milão conseguiu abrir o placar em uma cobrança pênalti. Aos 22 minutos do primeiro tempo, Moretti colocou a mão na bola dentro da área e Icardi converteu a penalidade.

O empate do Torino aconteceu no início da segunda etapa. Aos 10 minutos, Molinaro invadiu a área em velocidade e chutou forte na saída do goleiro Handanovic. Dois minutos depois, Miranda fez falta dura e levou o segundo cartão amarelo, deixando o time de Turim ainda mais confiante no jogo.

Com um a mais, o Torino partiu para cima e conseguiu buscar a virada aos 28 minutos. Nagatomo cometeu pênalti e levou o cartão vermelho direto, prejudicando ainda mais a Inter de Milão. Andrea Belotti não tinha nada a ver com isso e cobrou a penalidade para garantir a vitória.

Na sequência do Campeonato Italiano, a Inter de Milão tem pela frente o Frosinone, fora de casa, no próximo sábado. No dia seguinte, o Torino recebe a Atalanta no estádio Olímpico de Turim.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.